Dana White anuncia retirada de cinturão interino de Jon Jones

Reprodução/Instagram Oficial Jon Jones

Jon Jones perdeu muito mais coisas do que futuras lutas e dinheiro com sua suspensão de um ano por ter sido pego em exame antidoping. O cinturão interino dos meio-pesados, conquistado pelo lutador no UFC 197 em abril, também deve ser retirado pelo Ultimate.

PRÊMIO TORCEDORES DE MÍDIA ESPORTIVA 2016

PRÊMIO TORCEDORES.COM TERÁ A SUA 2ª EDIÇÃO EM 2016 – E COM NOVIDADES!

PRÊMIO TORCEDORES: VEJA COMO VOTAR NO REDATOR DO ANO

CONHEÇA OS FINALISTAS DO PRÊMIO TORCEDORES.COM DE MÍDIA ESPORTIVA 2016

Dana White, chefão do UFC, anunciou em entrevista à ESPN americana que ‘Bones’ não mais detém o título interino da categoria, por ‘não ver sentido’ na situação de ver um atleta suspenso e que não poderia defender seu cinturão até julho de 2017.

Não faz sentido. Ele era o campeão interino porque ele deveria ter lutado pelo título lá em abril. Demos a ele o título porque ele deveria lutar por ele naquela luta. É isso. Não faz sentido algum com tudo o que ele vem passando ele manter o cinturão”, explicou.

Jones deveria enfrentar Daniel Cormier pelo cinturão no UFC 197, mas com a lesão do campeão lutou e venceu Ovince St-Preux pelo título interino dos meio-pesados, que deveria ser unificado no UFC 200, mas com o resultado positivo do teste antidoping do ex-campeão, acabou sendo retirado do card.

Com Jon Jones suspenso e sem título interino, Cormier segue sendo o dono do cinturão linear da categoria e o colocará em disputa contra Anthony Johnson no UFC 206.

 

(Crédito da foto: Reprodução/Instagram Oficial Jon Jones)