Desejado, Diego Souza já mostrou o dedo do meio para torcida do Palmeiras

Palmeiras
Foto: Reprodução/SporTV

Com o fim da temporada se aproximando e o Palmeiras cada vez mais próximo do título do Brasileirão – é o líder isolado da competição, com seis pontos a mais que o segundo colocado Santos -, a torcida já começa a sonhar quais serão os jogadores contratados para reforçar o clube em 2017.

LEIA MAIS:

PAULO NOBRE DESCARTA COMPRAR ALLIANZ: “PENSAM QUE SOU DONO DO ITAÚ”
ALÉM DE GABRIEL JESUS, TITE “CONVOCA” MAIS UM JOGADOR DO VERDÃO

Na noite desta segunda-feira (7), o meia Diego Souza deu show na vitória do Sport contra o Grêmio, por 3 a 0, quando marcou dois belos gols, se tornou o artilheiro do torneio, e fez muitos palmeirenses sonharem com a volta do meia ao Verdão.

Porém, o que poucos se lembram é a forma como o atleta deixou o clube, em 2010.

No dia 29 de abril daquele ano, o Palmeiras recebeu o Atlético-GO, pelas quartas de final da Copa do Brasil e Diego Souza cometeu um ato que acabou com o seu afastamento do clube.

Com uma fraca atuação, o jogador acabou substituído na segunda etapa e foi muito xingado e vaiado pelos torcedores do Verdão presentes no Palestra Itália.

De cabeça quente, Diego Souza deixou o campo retrucando as vaias e mostrou o deodo do meio para a chamada “turma do amendoim”, que ficava logo atrás dos bancos de reservas no estádio.

O fato levou o jogador, que havia sido escolhido o Craque do Brasileirão no ano anterior, a ser afastado pela diretoria palmeirense.

Dois meses depois, o meio-campista se transferiu para o Atlético-MG.

Veja as imagens de Diego Souza fazendo gesto obsceno para a torcida do Palmeiras:

Próximo compromisso

O Palmeiras volta a campo apenas no dia 17 (quinta-feira), contra o Atlético-MG, em Belo Horizonte, em duelo decisivo válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Gabriel Jesus, que está defendendo a seleção brasileira e deve jogar contra o Peru um dia antes, é dúvida.