Fluminense já conversa com fornecedoras para o lugar da Dryworld em 2017

dryworld
Crédito de imagem: Divulgação/Site Oficial do Fluminense

Pensando em 2017, o Fluminense conversa com outras empresas de material esportivo para o lugar da DryWorld e o departamento de marketing aguarda o resultado das eleições para avançar nas negociações. A situação será definida até o começo do próximo ano, conforme revela o jornal “O Globo” e também todos os detalhes o site “UOL Esporte”.

LEIA MAIS:
VEJA CINCO SINAIS DE QUE O FLUMINENSE VAI RESCINDIR COM A DRYWORLD
VEJA QUANTO O FLUMINENSE RECEBERÁ DE DINHEIRO DAS COTAS DE TV DA PRIMEIRA LIGA

Já em entrevista ao site “UOL Esporte”, o presidente Peter Siemsen explica o motivo que a Dryworld não deu certo no Fluminense. Para o mandatário do Tricolor das Laranjeiras, a empresa canadense errou na logística e estratégia quando entrou no Brasil e patrocinar o Fluminense, Goiás e Atlético-MG.

“Acho que foi erro deles de estratégia ao entrar no Brasil. Resolveram comprar uma indústria aqui. Alguém que nunca trabalhou no Brasil, assinar contrato e comprar a indústria. Você precisa conhecer onde você está. Não fizeram a leitura correta, ainda mais em crise econômica. Sofreu muito em decorrência dessa estratégia. Eu banquei esse risco. O risco foi meu. Fiz isso porque o número era muito alto em relação à média do mercado. Além de achar que a Adidas não estava nos atendendo de maneira adequada após passarem por mudanças. Não estava à altura do Fluminense. Agora é trabalhar pelo reestabelecimento da própria Dryworld ou por uma nova fornecedora”, diz Peter Siemsen.

Sem revelar os nomes dos fornecedores interessados, o Fluminense deixará a decisão para o próximo presidente definir os passos com a DryWorld. A situação nas Laranjeiras ficou cada vez mais difícil, para a empresa canadense seguir no clube em 2017.



Radialista, Jornalista com passagens como correspondente pelo site italiano CalcioNews24.com e pelo Arena Rubro-Negra. Atualmente setorista do Fluminense e Futebol Sul-Americano no Torcedores.com