Uruguai x Equador: saiba como assistir AO VIVO o jogo na TV

Uruguai x Equador
Getty Images
Uruguai x Equador se enfrentam nesta quinta-feira às 21h (horário de Brasília), no estádio Centenário, em Montevidéu, pela 11º rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.

A partida entre Uruguai x Equador terá a transmissão AO VIVO do SporTV 2, com a narração de Jader Rocha e os comentários de Lédio Carmona.

Vice-líder na tabela de classificação com 20 pontos, a Celeste tentará manter a boa fase atuando em seus domínios. Para assumir a ponta novamente, será preciso fazer a lição de casa e torcer por um tropeço do Brasil frente a Argentina. A grande dúvida do técnico Oscar Tabarez é se poderá ou não contar com o atacante Cavani, já que ele saiu lesionado no último final de semana no triunfo do PGS pelo Campeonato Francês.

“Ele sentiu alguma dor durante a partida em que jogou. Não foi quando fez o gol, mas algum tempo antes”, disse o treinador aos jornalistas. Tabárez prega respeito ao adversário e chama atenção para o seu bom retrospecto quando visitante. “Não será fácil, não é? Nestas eliminatórias o Equador fez muitos pontos fora de casa, mais de 50 por cento”.

O Equador precisa pontuar já que em caso de derrota e uma combinação de resultados, pode terminar fora do grupo de Seleções classificadas para a Copa. O retrospecto fora de seus domínios não tem sido agradável. Foi em 2015 quando bateu a Venezuela por 3 a 1. De lá para cá foram duas derrotas e um empate. Dois atletas que atuam no Brasil estão entre os convocados. Erazo e Cazares defendem as cores do Atlético-MG.

Com tantos ingredientes, o confronto promete e o canal fechado, SporTV 2, fará a transmissão AO VIVO da partida.

Uruguai x Equador

Local: Estádio Centenário, em Montevidéu (Uruguai)
Data: 10 de novembro de 2016 (Quinta-feira)
Horário: 21h(de Brasília)
Árbitro: Víctor Carrillo (Peru)
Assistentes: Jonny Bossio (Peru) e Coty Carrera (Peru)

URUGUAI: Fernando Muslera, Mathías Corujo, Diego Godín, Sebastián Coates e Gastón Silva; Arévalo Ríos Carlos Sánchez, Nicolás Lodeiro e Matías Vecino; Luis Suárez e Diego Rolán (Cristian Stuani)
Técnico: Óscar Tabárez

EQUADOR: Esteban Dreer, Juac Carlos Paredes, Frickson Erazo, Gabriel Achillier e Walter Ayoví; Christian Noboa, Jefferson Orejuela, Pedro Quiñónez e Juan Cazares; Miller Bolaños e Fidel Martínez
Técnico: Gustavo Quinteros

)