Relembre a campanha do título do Grêmio na Copa do Brasil

Após 15 anos, o Grêmio voltou a conquistar a Copa do Brasil, assim se tornando o maior vencedor do torneio com cinco títulos. Quase foi eliminado nas oitavas, mas cresceu na hora certa e garantiu o penta em sua casa.

OITAVAS DE FINAL

A estreia do Tricolor gaúcho na competição foi contra o Atlético-PR na Arena da Baixada e venceu por 1 a 0 com gol de Miller Bolaños, mesmo perdendo muitas chances no jogo, mas garantiu o placar. E na volta, o tricolor gaúcho foi derrotado em casa por 1 a 0 com falha do goleiro Marcelo Grohe, e o resultado levou para a disputa de pênaltis. E foi numa disputa recheada de pênaltis perdidos, um deles sendo do goleiro Weverton, e o Grêmio se classificou pras quartas de final com vitória por 4 x 3.

QUARTAS DE FINAL

Na fase seguinte, e já com Renato Gaúcho no lugar de Roger Machado, o Grêmio teve pela frente o Palmeiras, então atual campeão da Copa do Brasil. O jogo de ida foi na Arena do Grêmio, e em um jogo duro, o tricolor gaúcho venceu por 2 x 1 com Ramiro e Pedro Rocha abrindo os trabalhos, e Zé Roberto diminuindo pro Palmeiras posteriormente. No Allianz Parque, o Palmeiras saiu na frente com Thiago Martins, mas Everton consegue arrancar o empate que classificou o Grêmio pra semifinal.

SEMIFINAL

O desafio da vez foi contra o Cruzeiro no Mineirão, e conseguiu uma boa vitória por 2 x 0 com gols de Douglas e Luan, mostrando um bom futebol diante da torcida adversária, que o deixou mais próximo da decisão. E o desafio final diante de 50 mil gremistas na Arena do Grêmio, o jogo não saiu do empate sem gols, resultado necessário para o Grêmio se classificar pra decisão da Copa do Brasil.

A GRANDE FINAL

Voltando a jogar a final da Copa do Brasil desde 2001, o Grêmio teve pela frente o Atlético-MG no Mineirão no jogo de ida. E o Tricolor fez uma bela partida ao vencer por 3 x 1 com gols de Everton e dois de Pedro Rocha, que foi expulso ao levar dois cartões amarelos. E o jogo de volta foi adiado do dia 30/11 pro dia 07/12 por conta da queda do avião da Chapecoense que matou a delegação do clube e jornalistas, que foram homenageados com um minuto de silêncio na Arena do Grêmio antes da partida. Com a bola rolando, o Grêmio abriu o placar no segundo tempo com gol de Miller Bolaños, já sacramentando o título, mas minutos depois, Cazares empatou fazendo um golaço do meio de campo, mas não o suficiente para tirar o título do Grêmio que faturou a Copa do Brasil pela quinta vez na história, e por outro lado, comemorava seu primeiro título na nova casa,. O título também rendeu vaga para a Copa Libertadores 2017.