Sinalizadores da torcida no Dérbi rende multa de R$ 5 mil ao Corinthians

Crédito da Foto: Rafael Alaby/Torcedores.com

A torcida do Corinthians fez um protesto com sinalizadores pedindo o fim da proibição dos artefatos dentro dos estádios no clássico contra o Palmeiras, no dia 22 de fevereiro. E o Timão foi punido pelo Tribunal de Justiça Desportiva.

Em decisão comunicada na última segunda-feira (10), o Corinthians foi condenado a pagar R$ 5 mil de multa pelo comportamento de sua torcida. O clube, inicialmente, havia sido punido com multa de R$ 10 mil em primeira instância, mas o Pleno do TJD reduziu a sentença pela metade.

LEIA MAIS
BRASILEIRÃO REPETE PAULISTÃO E DEIXA CLÁSSICOS PAULISTAS NO PPV
PORTO PAGARÁ R$ 15 MILHÕES AO CORINTHIANS PELO RESTANTE DOS DIREITOS DE FELIPE, DIZ JORNAL
VICE DO INTER DIZ QUE CORINTHIANS “MENTIU” SOBRE NEGOCIAÇÃO COM VALDIVIA

ENTENDA A PROIBIÇÃO

O uso de sinalizadores é proibido dentro dos estádios do país. Em alguns casos, os artefatos são mostrados durante as partidas – os árbitros são orientados a paralisam os jogos quando isso acontece.

A primeira proibição para os sinalizadores ocorreu em fevereiro de 2013, após a morte de Kevin Espada, torcedor do San Jose-BOL, em jogo entre San José x Corinthians, pela Copa Libertadores da América. Na época, a determinação foi do TJD/SP (Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo) para os jogos disputados em São Paulo.



Jornalista com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação, Dialoog Comunicação e Comunicale.