Felipe Melo revela se inspirar em algoz do Cruzeiro em 2009

Felipe Melo
Divulgação/ Site Oficial do Palmeiras – Fotógrafo: Cesar Greco/ Ag. Palmeiras

Na coletiva de imprensa desta terça-feira, o volante Felipe Melo revelou em quem se inspira. Se preparando para a próxima rodada da Libertadores, onde enfrentará o Peñarol (Uruguai), o jogador falou sobre sua principal referência dentro de campo.

Trata-se do argentino Juan Pablo Verón, jogador e presidente do Estudiantes. O meia foi um dos principais responsáveis pela conquista da Libertadores de 2009, em cima do Cruzeiro. Pelo histórico e bagagem vencedor, Felipe Melo o considera uma de suas mais inspirações dentro dos gramados.

LEIA MAIS

MICHEL BASTOS RELEMBRA INSULTOS EM REDES SOCIAIS E AGRADECE APOIO DE PALMEIRENSES

BRASILEIRO DO PEÑAROL DESTACA REAÇÃO DE COMPANHEIROS A “TAPA NA CARA DE URUGUAIO”, DE FELIPE MELO

EM 2003, PALMEIRAS FICOU PERTO DE TROCAR LOVE POR JOGADOR QUE MAIS TARDE ATUARIA PELO SANTOS; ENTENDA

Aguerrido dentro de campo, Felipe Melo tem muitas características que se assemelham a “La Brujita”. Tendo maior participação ofensiva durante sua volta ao futebol brasileiro, pelo Palmeiras, o palmeirense citou o passe do argentino como uma de suas inspirações.

“Eu procuro errar o mínimo de passes possível, como o Verón. Acho que o diferencial dele, dentre outras coisas, é que não era um jogador caranguejo, que só toca para trás. Ele tocava para o lado, para frente. Hoje você vê muito centrocampista que se limita a tocar para o lado e para trás. Isso é uma coisa que eu tenho trabalhado e treinado bastante. Me espelhei no Verón porque tanto em passe longo quanto curto tinha muita eficiência” revelou.

O argentino foi um dos melhores passadores do futebol europeu. Ídolo do Estudiantes, Verón foi um dos principais responsáveis pela derrota do Cruzeiro na Libertadores em 2009, quando venceu o clube mineiro por 2 a 1, em pleno Mineirão; equipe em que Felipe teve passagem em 2003.

Além das características que o palmeirense busca se assemelhar no argentino, os dois já jogaram pela Inter de Milão. Enquanto Verón atuou no clube italiano entre 2004 e 2006, Felipe jogou na temporada 2015/16.