Flamengo, Palmeiras e Grêmio fazem o dever de casa. Botafogo e Atlético-MG Jogam Hoje!

Créditos: Guia do Boleiro

A Libertadores de 2017 está equilibrada. Basta ver que o Palmeiras só encontrou a vitória sobre o Peñarol no último minuto; o Grêmio passou apertado pelo inexpressivo Deportes Iquique; e o Flamengo bateu o Atlético-PR por 2 a 1. Logo mais, será a vez de Botafogo e Atlético-MG entrarem em campo.

 

Botafogo encara o campeão

O Nacional recebe o Botafogo, numa partida repleta de curiosidades. A primeira delas é que se trata da primeira equipe brasileira a jogar contra os Verdolengas, em Medellín, desde a tragédia com o voo da Chapecoense. Para os cariocas é a chance de quebrar o jejum de 24 anos sem vencer um jogo internacional oficial fora de seus domínios. Foi também neste palco, o estádio Atanasio Girardo, que Garrincha conquistou seu primeiro torneio internacional, a Taça Brasil-Colômbia de 1954. Na ocasião, o Glorioso arrasou com Millonarios, Independiente Medellín e o próprio Nacional.

Para o espetáculo de logo mais, espera-se casa cheia. Os anfitriões defendem o título conquistado no ano passado. Apesar da renovação no plantel, ainda é um rival temido. O triunfo dos locais rende R$ 1,72 para um, segundo o Oddsshark.com/br, contra R$ 3,55 do empate e R$ 5,55 dos visitantes. A bola rolará a partir das 21h45 de Brasília.

Também pelo grupo 1, o Barcelona bateu o Estudiantes, em La Plata, por 2 a 0, premiou seu investidor com excelentes R$ 8,25 e assumiu a liderança isolada do quadrangular.

 

Galo espera goleada por causa do saldo de gols

O saldo de gols é critério de desempate na competição sul-americana. Como a chave 6 está acirrada entre Atlético-MG, Libertad e Godoy Cruz, é melhor se prevenir e marcar muitos gols, principalmente quando se enfrenta uma agremiação pouco estruturada, semiamadora e limitada tecnicamente, como o Sport Boys, da Bolívia. Para reforçar o ataque, o treinador Roger Machado escalará Luan. O atacante se recuperou de uma lesão no joelho direito e barrou Danilo.

Os bolivianos têm como maior destaque o técnico espanhol Xabier Azkargorta, que impôs a primeira derrota da seleção brasileira na história das eliminatórias em 1993, quando dirigia a Bolívia. Fora isso, o clube é famoso por ter contratado e inscrito o presidente da república, Evo Morales, no Campeonato Boliviano de 2015.

O duelo está previsto para às 19h30, no Independência. Os mineiros vencerão. Provavelmente golearão. A cada dez reais investidos, retornam R$ 132,60 se a zebra, ou melhor, o touro depenar o Galo, segundo o Oddsshark.com/br. A igualdade no marcador vale R$ 83,50 e os prováveis três pontos dos anfitriões geram 18% de lucro.

Há dois dias, o Godoy Cruz bateu o Libertad em Assunção (R$ 22,10) e assumiu a ponta do grupo.

 

Flamengo é o novo líder do grupo 4

Com um início envolvente e fulminante, apoiado por 58 mil torcedores, o Flamengo derrotou o Atlético-PR por 2 a 1, gols de Diego e Guerrero, com Nikão descontando. O Atlético-PR conseguiu equilibrar as ações no segundo período mas não foi o suficiente para sair do Maracanã com um ponto. Na próxima rodada, teremos novo enfrentamento entre os quadros brasileiros e os paranaenses precisarão ganhar, pois se encontram fora do G-2. Segundo as casas de apostas esportivas, a festa carioca gerou 68% de lucro.

Simultaneamente ao embate do Rio de Janeiro, Universidad Católica e San Lorenzo fizeram um gol cada, em Santiago, e pagou-se R$ 326 para cada lote de cem apostados.

 

Sempre no finzinho

Depois de derrotar o Jorge Wilstermann no último minuto, ninguém esperava que o filme seria repetido contra o Peñarol. Mas foi. Os uruguaios saíram na frente, tomaram a virada, voltaram a empatar, mas acabaram tendo que retornar à Montevidéu com o revés de 3 a 2.  Os gols brasileiros foram de Dudu, Fabiano e William, enquanto que Gastón Rodríguez e Ramón Arias descontaram para os aureonegros. O sucesso palmeirense rendou R$ 1,37 para cada real investido.

O Verdão fechou o turno da chave 5 na liderança. Na peleja de anteontem, os bolivianos superaram o Atlético Tucumán por 2 a 1 diante de sua torcida, gerando R$ 2,41.

 

Mais atenção, Grêmio

Quase que o Deportes Iquique enche de água as tulipas de chopp dos gremistas na terça-feira. O público presente à Arena do Grêmio viu Luan (duas vezes) e Miller Bolaños abrirem 3 a 0 para os gaúchos com muita facilidade. Os Dragões eram presas fáceis mas de repente, começaram a cuspir fogo. Os volantes Dávila e Rafael Caroca marcaram para os chilenos que chegaram a vislumbrar a igualdade mas o tricolor acabou resistindo. Os três pontos vieram, o Grêmio deu um passo importante para obter a classificação mas o time não empolgou. O apostador recebeu R$ 14,30 para cada dez investidos na coluna um.

Fechando a rodada do oitavo quadrangular, o Guaraní teve mais dificuldades que esperava mas acabou batendo o Zamora por 3 a 1, em Assunção. O investidor ganhou R$ 14,70.

 

Seque os Milionários e fique rico

Quem prever que River Plate perca hoje à noite, a partir das 21h00 de Brasília, no Monumental de Nuñez, para o Melgar, ganhará uma bolada. Os Milionários estão cotados para marcar muitos gols e chegar aos vestiários com uma goleada histórica sobre a agremiação peruana. A derrota argentina vale R$ 2.031 para cada cem acreditados.

Fechando a semana da Libertadores, Emelec e Independiente Medellín se enfrentam em Guayaquil e os equatorianos devem prevalecer.

 

Veja outros odds no Torcedores.

 

4a Fase, 2a e 3a rodadas:

Terça-feira, 11 de abril

Estudiantes 0x2 Barcelona (R$ 8,25)

Jorge Wilstermann 2×1 Atlético Tucumán (R$ 2,41)

Libertad 1×2 Godoy Cruz (R$ 2,21)

Grêmio 3×2 Deportes Iquique (R$ 1,43)

 

Quarta-feira, 12 de abril:

Guaraní 3×1 Zamora (R$ 1,47)

Universidad Católica 1×1 San Lorenzo (R$ 3,26)

Flamengo 2×1 Atlético-PR (R$ 1,68)

Palmeiras 3×2 Peñarol (R$ 1,37)

 

Quinta-feira, 13 de abril:

(R$ 1,72) Nacional-COL x Botafogo (R$ 5,55) (Empate R$ 3,55)

(R$ 1,95) Emelec x Independiente Medellín (R$ 4,31) (Empate R$ 3,35)

(R$ 1,14) River Plate x Melgar (R$ 20,31) (Empate R$ 8,41)

(R$ 1,18) Atlético-MG x Sport Boys (R$ 13,26) (Empate R$ 8,35)

 

Classificação:

Grupo 1:

1o Barcelona – 6

2o Botafogo – 3

3o Nacional-COL – 0

4o Estudiantes – 0

 

Grupo 2:

1o Santos – 4

2o Independiente Santa Fé – 3

3o The Strongest – 3

4o Sporting Cristal – 1

 

Grupo 3:

1o River Plate – 3

2o Melgar – 3

3o Emelec – 0

4o Independiente Medellín – 0

 

Grupo 4:

1o Flamengo – 6

2o Universidad Católica – 5

3o Atlético-PR – 4

4o San Lorenzo – 1

 

Grupo 5:

1o Palmeiras – 7

2o Jorge Wilstermann – 6

3o Peñarol – 3

4o Atlético Tucumán – 1

 

Grupo 6:

1o Godoy Cruz – 4

2o Sport Boys – 1

3o Atlético-MG – 1

4o Libertad – 1

 

Grupo 7:

1o Lanús – 3

2o Zulia – 3

3o Nacional-URU – 3

4o Chapecoense – 3

 

Grupo 8:

1o Grêmio – 6

2o Guaraní – 6

3o Deportes Iquique – 0

4o Zamora – 0