José Aldo mostra lado ‘provocador’ em coletiva do UFC 212

Reprodução/Twitter Oficial José Aldo Junior

Uma das estrelas do UFC 212 e, ao lado de Max Holloway, parte da luta principal do card, José Aldo parece que se contagiou com a onda de provocações e ‘trash-talking’ que tomou conta do UFC nos últimos. Na coletiva de imprensa para promover o evento no Rio de Janeiro, o manauara mostrou o seu novo ‘lado’.

Na coletiva de promoção do UFC 212, o campeão dos penas defendeu a postura atual de diversos lutadores, que apostam nas declarações fortes para fazer auto-promoção e tentar ganhar espaço tanto financeiramente como esportivamente.

LEIA MAIS

MAVERICKS IRÁ HOMENAGEAR TONY ROMO; EX-QUARTERBACK ESTARÁ COM O TIME CONTRA O NUGGETS

CORMIER PREVÊ JON JONES COMO PRÓXIMO ADVERSÁRIO: ‘VOU ESMAGÁ-LO’

ANDERSON SILVA BRINCA COM FALTA DE OPONENTE EM COLETIVA

“Para mim, isso é ótimo. É essa coisa (a provocação) que faz a luta ser grande. Isso é normal agora. Quando termina a luta, cada um vai para o seu lado. E com dinheiro no bolso. Tem que xingar mesmo, xingo até a mãe do cara. A p*** toda”, disparou Aldo.

José Aldo justificou essa visão do mercado no MMA. afirmando que os lutadores, para se darem bem financeiramente, devem provocar mais os oponentes e apostar menos somente em suas habilidades e princípios dentro e fora do octógono .

“Essa troca de farpas é ótima. É isso que vende e dá dinheiro. É uma geração nova. Quando eu comecei, eles eram atletas. Tinha uma filosofia. Agora, tem essa coisa de ‘lutador real’ e ‘lutador nutella’. Se você não provocar, vai ficar para trás. Ranking não serve para nada. O que vende mesmo é provocação”, disse.

“E agora eu estou gostando mesmo. Vim de uma luta em que ganhei muito dinheiro. Hoje em dia gosto dessa coisa. Tenho minha honra, respeito, as coisas que meu professor me ensinou. Mas hoje o que vale é xingar e falar”, completou.

(Crédito da foto: Reprodução/Twitter Oficial José Aldo Junior)