Mano Menezes quer Cruzeiro com “personalidade” diante do São Paulo

Mano Menezes São Paulo x Cruzeiro
Reproducao: TV Cruzeiro
Após a vitória de ontem contra o Democrata por 2 a 0, pelo Campeonato Mineiro, o Cruzeiro agora volta as suas atenções para o jogo da próxima quinta-feira (13), às 21h30 (horário de Brasília), diante do São Paulo, no estádio do Morumbi, pela partida de ida da quarta fase da Copa do Brasil.

O técnico Mano Menezes exaltou as qualidades do adversário e citou a evolução do time paulista na quesito gols sofridos. A equipe comandada por Rogério Ceni não sabe o que é ser vazada desde o dia 26 de março no empate frente o Corinthians em 1 a 1. De lá para cá foram quatro partidas: (São Bernardo 0 x 1 São Paulo; Linense 0 x 2 São Paulo; Defensa y Justicia 0 x 0 São Paulo e São Paulo 5 x 0 Linense).

LEIA MAIS:

Cruzeiro x Democrata: assista os gols da partida

Campeão da Libertadores de 2016, Rueda elege 5 grandes clubes do Brasil; veja

O São Paulo vem se afirmando com uma nova ideia de jogar. Nos últimos jogos já solucionou um problema que certamente incomodava de sofrer gols, nos últimos três ou quatro não sofreu, então essas são as evoluções e etapas que as equipes passam. É uma equipe que  joga no campo do adversário, propõe bem o jogo, vai ser mandante na primeira partida, então nós esperamos um jogo bem duro. Vamos nos preparar para saber propor também, para jogar um jogo desta grandeza fora de casa”, analisou Mano.

Mesmo com a decisão marcada para o Mineirão, Mano valoriza a importância de uma boa apresentação na casa do rival e pede “personalidade” ao seus comandados.

A equipe precisa ter personalidade, temos que buscar essa experiência com jogadores que já estão acostumados com esse tipo de disputa, temos que fazer jogos bem jogados fora de casa. É uma disputa de 180 minutos e sabemos que quando você não faz os 90 minutos bem, depois fica difícil reverter, mesmo que a segunda partida seja em casa. Então, não podemos ir para São Paulo esperando pelo jogo do Mineirão. Precisamos jogar no Morumbi”, finalizou.