Otimista, Douglas mira Libertadores e estipula prazo de retorno aos gramados

Douglas
Foto: Lucas Uebel/ Grêmio FBPA

O torcedor gremista não perde por esperar o mês de agosto. É neste período que Douglas, segundo o próprio, voltará aos gramados e se colocará novamente à disposição da comissão técnica. A estimativa dada pelo jogador foi feita na manhã desta segunda-feira, em participação no programa ATL Gre-Nal, da Rádio Atlântida de Porto Alegre.

Perguntado no programa se ainda poderia “pegar” a Libertadores em andamento, Douglas garantiu que sim. “Sim, dá para pegar a Libertadores. Mais uns quatro meses de recuperação”, disse o meia, que está em processo fisioterápico desde que fez a cirurgia no joelho esquerdo, no dia 13 de fevereiro.

LEIA MAIS:

Em “alto nível” no Palmeiras, Fernando Prass explica insucesso no Grêmio

Valdívia frustra planos de Palmeiras e Corinthians: “Eu quero ficar no Inter”

Ao contrário do que vinha ocorrendo nas últimas temporadas, a Libertadores de 2017 foi modificada e terá um prazo de duração bem maior, frequentando o calendário praticamente do ano inteiro. O torneio continental teve início em fevereiro e só encerrará no mês de novembro. Caso Douglas volte em agosto, ele poderia entrar a partir das quartas de final se o Grêmio seguir vivo no torneio.

Titular absoluto do Grêmio desde o início de 2015, Douglas sofreu uma ruptura do ligamento cruzado do joelho esquerdo no dia 8 de fevereiro. Em um treinamento dos titulares, ele teve um choque com o jovem meia Tilica e imediatamente foi ao solo. Exames posteriores indicaram a gravidade da lesão.

Durante a participação no programa desta segunda, na Atlântida, o maestro tricolor ainda revelou que Andrés D’Alessandro, capitão e ídolo do Internacional, enviou uma mensagem assim que foi detectada a grave lesão. D’Ale prestou sua solidariedade e Douglas considerou uma “atitude do c….”, aproveitando para dizer que os dois se respeitam “muito”.

A lesão pela qual Douglas segue afastado dos gramados é bastante conhecida entre os jogadores. No próprio Grêmio, o centroavante Jael também passa pelo mesmo problema e é desfalque. O rival Inter, recentemente, perdeu o meia Valdívia pela mesma lesão em um amistoso da seleção olímpica, no segundo semestre de 2015.

 



Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Fã de esportes, sobretudo tênis. Colorado por paixão, jornalista por vocação e tenista por opção.