Morre torcedor do Flamengo protagonista de foto que viralizou na internet

Expedito Adão, torcedor do Flamengo de foto que viralizou nas redes sociais, faleceu no Rio de Janeiro esta sexta-feira (Foto: Reprodução/Twitter/@yuridecastro)
Expedito Adão, torcedor do Flamengo de foto que viralizou nas redes sociais, faleceu no Rio de Janeiro esta sexta-feira (Foto: Reprodução/Twitter/@yuridecastro)

Na noite desta sexta-feira, faleceu o torcedor do Flamengo Expedito Adão, aos 79 anos, em sua casa no bairro de Coelho Neto, no Rio de Janeiro.

O nome pode não ser familiar a todos rubor-negros, mas a foto de Seu Expedito, com certeza, todos conhecem. Um homem negro, idoso, de cabelo e barba brancos, de chinelos, calça jeans, camisa do Flamengo e casaco sentado na arquibancada da Ilha do Urubu.

De origem humilde, o torcedor ficou conhecido como símbolo de resistência e fortaleceu a discussão em relação à elitização nos estádios, devido aos altos preços cobrados nos ingressos das partidas.

“Na hora que o pessoal começou a me mostrar o meu retrato me deu vontade de chorar, de alegria de ver eu, desse jeito, criador de lavoura de café lá na roça e hoje estou nessa vida tão boa com o povo todo do mundo junto comigo”, disse Seu Expedito em entrevista à Coluna do Flamengo eM julho, pouco após sua foto viralizar nas redes sociais.

A morte do torcedor comoveu flamenguistas, que renderam homenagens a Expedito no Twitter, criando, inclusive a hashtag #MinutoPorExpedito, pedindo que o clube realize um minuto de silêncio em homenagem ao torcedor na partida deste domingo, contra o Sport, na Ilha do Urubu.

LEIA TAMBÉM
TORCEDOR DO FLAMENGO COMENTA ENCONTRO COM ADRIANO IMPERADOR: “SIMPLES, SIMPÁTICO E HUMILDE”