Alvos de grandes paulistas, Fernando Bob e Nino Paraíba são rebaixados pela 4ª vez em oito anos

Foto: PontePress/GuilhermeDorigatti

A derrota da Ponte Preta, de virada, para o Vitória por 3 a 2 em Campinas confirmou a queda da Macaca para a Série B do Brasileirão. Rebaixada em 2013, a equipe paulista foi vice-campeã estadual neste ano e teve sondagens por alguns dos jogadores que estiveram na campanha da queda, como o meia Fernando Bob e o lateral Nino Paraíba.

Rebaixado duas vezes com o Vitória, em 2010 e 2014, Nino Paraíba caiu também com o Avaí em 2015, antes de ser contratado pela Ponte Preta. O levantamento leva em consideração todos os jogadores que estiveram em campo pelos clubes nos anos das quedas e tem como fonte os dados do site ogol.com.br.

O defensor teve seu nome na mira de Corinthians e Santos na lista de reforços para a próxima temporada. Com contrato até o fim de dezembro deste ano, o jogador está livre para assinar com qualquer equipe sem custos. Fernando Bob esteve perto de assinar com o São Paulo em maio, mas segue nos planos do Tricolor. O meia caiu por Atlético-GO (2012), Ponte Preta (2013) e Inter (2016), além deste ano.

Outros rebaixados

Com mais um rebaixamento na conta, Nino Paraíba e Fernando Bob  igualara a marca de quatro rebaixamentos nos pontos corridos de Everton Santos (atacante), Jonas (lateral-direito) e Rafael Moura (atacante).

Do elenco atual da Ponte Preta, outros que caíram em anos passados são Aranha esteve na campanha da queda em 2006, Lucca caiu com o Criciúma em 2014, Danilo Barcelos foi rebaixado com o América-MG no ano passado, Kadu caiu com Corinthians (2007) e Vitória (2014) e Rodrigo foi rebaixado com o Vasco em 2015.

  • Rafael Moura: 4 vezes
  • Everton Santos: 4 vezes
  • Jonas: 4 vezes
  • Fernando Bob: 4 vezes
  • Nino Paraíba: 4 vezes
  • Vampeta: 3 vezes
  • Bruno Aguiar: 3 vezes
  • Cléber Santana: 3 vezes
  • Dinélson: 3 vezes
  • Éder Luis: 3 vezes
  • Fábio Baiano: 3 vezes
  • Finazzi: 3 vezes
  • Gilberto (atacante, atualmente no São Paulo): 3 vezes
  • João Vítor: 3 vezes
  • Kempes: 3 vezes
  • Pedro Ken: 3 vezes
  • Ricardo Conceição: 3 vezes
  • Rodrigo Fabri: 3 vezes
  • Rodrigo Mancha: 3 vezes
  • Tadeu: 3 vezes
  • Wilson (goleiro, atualmente no Coritiba): 3 vezes

LEIA MAIS:
SAIBA QUANTO SEU TIME RECEBE DE COTA DE TELEVISÃO NO BRASILEIRÃO
MERCADO DA BOLA: 60 JOGADORES DO BRASILEIRÃO QUE FICAM SEM CONTRATO EM DEZEMBRO