Treinador de ‘Wonderboy’ nega acerto para luta com Darren Till

Reprodução/Instagram Stephen Thompson

Uma das notícias da semana do UFC é a de que a organização estaria acertando a realização de uma luta na Inglaterra entre Stephen Thompson e Darren Till para o começo de 2018. O treinador e pai de ‘Wonderboy’, Ray Thompson, no entanto, nega que tal combate esteja confirmado.

Em entrevista ao site MMAFighting, Thompson declarou que seu filho ainda precisa verificar se não tem lesões derivadas da luta com Jorge Masvidal no último final de semana, pelo UFC 207. E que vê o inglês ainda sem muita experiência para poder enfrentar o ex-desafiante do cinturão meio-médio.

“Não discutimos sobre essa luta. Não sei como disseram que já estava certa. Till ainda precisa enfrentar os melhores da divisão que nem ‘Wonderboy’ fez para chegar ao topo”, declarou o técnico do lutador.

Em um evento nesta semana, o chefão do UFC, Dana White, declarou que deve colocar o duelo entre Till e Thompson para um evento a ser realizado em solo inglês. Antes, o britânico era tido como escalado para um card em Orlando (EUA), que segundo informações iniciais, seria transferido para a Inglaterra, informação esta retificada por Lance Pugmire, jornalista que informou inicialmente sobre tal luta.

“Queremos pensar no futuro. Queremos enfrentar o Robbie Lawler desde a primeira vez em que enfrentamos o (Tyron Woodley) e nada. Por que? Por que ninguém do UFC ou do Lawler falou com a gente? Quando ‘Wonderboy’ enfrentou Woodley no UFC 205, foi a luta da noite. E ele já vinha fazendo lutas incríveis. A segunda luta entre eles foi chata, mais porque ele teve que correr atrás do Tyron e porque a gente não conseguiu ir para cima dele. Desde então, ninguém fala mais no Stephen para disputar o cinturão. Não quero falar que é por isso, mas está me parecendo ser. Não existem rankings para isso?”, disse Ray Thompson.

LEIA MAIS

WERDUM DIZ QUE NÃO FOI PUNIDO PELO UFC POR CONFUSÃO COM FERGUSON

TORCEDORES.COM VAI ELEGER MELHORES PROFISSIONAIS DA MÍDIA ESPORTIVA PELA TERCEIRA VEZ

(Crédito da foto: Reprodução/Instagram Stephen Thompson)