Adidas no Palmeiras: o que sabemos sobre a negociação

Foto: Reprodução

Com contrato próximo do fim, Palmeiras e Adidas estudam a ampliação do vínculo por mais algumas temporadas, mas segundo informações do jornalista Lauro Jardim, do jornal ‘O Globo’, a fornecedora de material esportivo já teria comunicado o clube que não pretende renovar o contrato em 2019. Se não renovar, será o fim de uma parceria que está em vigor desde 2006.

Em contato com a reportagem do Torcedores.com, a Adidas informou que “não divulga detalhes contratuais e em nenhum momento declarou essa informação”. Maurício Galiotte, presidente do Palmeiras, também falou sobre o assunto nesta terça-feira (5), em evento na Federação Paulista de Futebol.

“O Palmeiras está negociando com a Adidas. Não tem posição final ainda, mas está em negociação”, disse Galiotte,que ainda admitiu que a intenção é conseguir melhorar os valores do contrato. “Nossa pedida é sempre aumentar. Estamos negociando, vamos ver as possibilidades. Mas nossa ideia é continuar com a Adidas”.

Segundo informação da ESPN, confirmada pelo Torcedores.com, a intenção do Palmeiras é chegar a um acordo que faça o clube ganhar algo em torno de R$ 37 milhões por ano, ou seja, o mesmo que a Adidas paga para o Flamengo. Atualmente, o contrato do Verdão com a empresa é de R$ 20 milhões por temporada.

Se não renovar…

Foto: Divulgação

Se a Adidas não renovar seu contrato com o Palmeiras, a principal interessada em assumir o posto de fornecedora de material esportivo do Verdão a partir de 2019 é a Puma, que não tem contrato com nenhum clube brasileiro na atualidade. Na Europa, os principais times patrocinados pela Puma são Borussia Dortmund, Arsenal, além das seleções da Itália e Uruguai.

Mesmo sem uma renovação de contrato, a Adidas será responsável pelo uniforme do Palmeiras em 2018, lembrando que o atual contrato da empresa com o clube é até dezembro do mesmo ano.

Vale lembrar ainda que recentemente a Adidas encerrou o contrato de 20 anos com o Milan e a parceria de 43 anos com o Olympique de Marselha. No Brasil, além de Palmeiras e Flamengo, atualmente a Adidas possui contrato com Sport, Coritiba e Ponte Preta.

VEJA MAIS:
Mercado da bola: veja quem pode chegar e quem pode sair do Palmeiras para 2018