Corinthians tem pressa e faz engenharia financeira para contratar Elias

A diretoria do Corinthians não terá dinheiro à vista para adquirir os direitos econômicos de Elias – 50% pertencem ao Sporting e a outra metade pertence ao empresário português Jorge Mendes. Para piorar, a janela de transferência internacional fechará à noite desta segunda-feira e não haverá tempo hábil para conseguir as garantias bancárias. Enfim, obstáculos não faltam para essa negociação. Mas o clube já sabe como fazer para convencer o clube português a liberar o volante sem se preocupar que receberá o dinheiro posteriormente.

De acordo com o diretor de futebol Ronaldo Ximenes, para ganhar tempo, o Timão pode oferecer parte ou a totalidade dos direitos econômicos de um dos jogadores do atual elenco como garantia e, posteriormente, trocar essa garantia pelos papéis bancários, que seriam conseguidos na sequência. O contrato, então, seria refeito com essa mudança e os direitos econômicos do jogador escolhido como ”moeda” voltariam.

Leia a notícia completa do Lance:



Redação do Torcedores.com