Cruzeiro leva empate no último minuto e fica em situação delicada

Em partida tensa na noite desta quinta-feira, com muita catimba, duas expulsões e um golaço de Everton Ribeiro e outro de Júlio Baptista, Cruzeiro vencia até os 48 minutos do segundo tempo quando foi surpreendido pelo Defensor, que empatou o jogo aos 48 minutos, por 2 a 2, no Mineirão, e complicou a vida do time mineiro na Libertadores.

Com o empate, o Cruzeiro permaneceu na terceira colocação do grupo 5 com quatro pontos, cinco a menos que a líder Universidad de Chile e três atrás do Defensor, na segunda posição. O Real Garcilaso é o quarto com três pontos.

O Cruzeiro terá de buscar pontos fora contra a Universidad de Chile, no dia 3 de abril, em Santiago, para não correr o risco de ser eliminado da competição. Na última rodada, enfrenta o Real Garcilaso no Mineirão, no dia 9.

CRUZEIRO 2 X 2 DEFENSOR

Data: 20/3/2014 (quinta-feira)
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Mauro Vigliano (ARG)
Assistente: Diego Bonfa (ARG) e Javier Uziga (ARG)
Cartões amarelos: Zeballos, Correa (DEF); Dagoberto, Bruno Rodrigo (CRU)
Cartão vermelho: Nilton (CRU); Malvino (DEF)
Gols: Everton Ribeiro, aos 50min do primeiro tempo; Júlio Baptista, aos 17min, Gedoz, aos 20min, Seballos, aos 48min do segundo tempo

CRUZEIRO
Fábio; Ceará; Dedé, Bruno Rodrigo e Egídio; Nilton, Lucas Silva, Everton Ribeiro (Willian) e Ricardo Goulart (Elber); Júlio Baptista e Dagoberto (Rodrigo Souza)
Técnico: Marcelo Oliveira

DEFENSOR
Campaña; Zeballos, Correa, Malvino e Robert Herrera; Federico Gino, Cardacio, Fleurquin (Amado) e Arrascaeta; Gedoz (Luna) e Matías Alonso (Gaston Silva)

Técnico: Fernando Curutchet

Veja a noticia completa e os gols no UOL



Redação do Torcedores.com