Anderson Silva estuda para ser policial nos Estados Unidos

A lesão de Anderson Silva, que aconteceu durante luta contra Chris Weidman no UFC 168, chocou o mundo. Fãs e esportistas ficaram espantados com a gravidade da fratura na perna, que poderia afastar Spider dos octógonos para sempre. Porém, em entrevista exclusiva ao R7, o lutador revelou que não teve medo de se aposentar mais cedo.

” Em momento nenhum eu pensei em parar de lutar. Quando eu voltar a lutar, vou fazer o trabalho que eu sempre fiz. Eu ainda não tenho adversário e também não estou pensando no cinturão.  As coisas vão acontecer do jeito que têm que acontecer. Nunca escolhi adversário, nunca falei que gostaria de lutar com esse ou com aquele. Vou fazer meu trabalho, caso me credencie para o título, eu vou lutar, mas nada do que fiz, desde que entrei no UFC, foi pensando no título.”

Veja a noticia completa no R7



Redação do Torcedores.com