Rodada do Brasileirão mostra que campo não ganha jogo

Itaquerão
Getty Images

Uma das maiores máximas do futebol mundial caiu por terra e marcou a quinta rodada do Brasileirão neste fim de semana.

Nada menos do que seis dos nove times mandantes (o jogo entre Sport e Bahia foi adiado) tropeçaram atuando em seus campos e diante de seus torcedores, enterrando definitivamente a tese de que “campo ganha jogo”.

A maior prova contrária ao famoso jargão popular foi dada pelo Corinthians, que inaugurou o Itaquerão diante do Figueirense, lanterna do Brasileirão, e perdeu por 1 a 0, decepcionando a imensa massa que foi prestigiar a abertura oficial do estádio da Copa em São Paulo.

DESTAQUE
Robinho no Flamengo depende de investidores

O Santos não jogou em casa, mas como mandante, e também deixou a torcida a ver navios, ao perder por 2 a 1 para o Atlético Mineiro, de virada, em outro estádio da Copa, a Arena Pantanal, com dois gols do ex-santista André.

Se os dois alvinegros decepcionaram os paulistas em casa, os outros dois representantes do Estado se deram bem longe de suas torcidas. O Palmeiras foi a Salvador e bateu o Vitória por 1 a 0, enquanto o São Paulo não tomou conhecimento do Flamengo no Maracanã e, com atuação de gala de Ganso, venceu por 2 a 0.

Outros mandantes que se deram mal foram o Atlético-PR e o Criciúma, que empataram com Chapecoense e Internacional. Apenas o Goiás, que venceu o Botafogo por 2 a 0, o Grêmio, que venceu o Fluminense por 1 a 0, e o Cruzeiro, que bateu o Coritiba por 3 a 2, deixaram suas torcidas felizes jogando em casa.

 



Redação do Torcedores.com