Ego, ineditismo e carrascos: Gre-Nal da vida ou morte no Campeonato Brasileiro

Felipão
Getty Images

Gre-Nal, por si só, já atrai audiência. É o jogo mais esperado pelos torcedores azuis e vermelhos. Adicione a isso três doses de importância, uma colherada de ineditismo e ingredientes que dão mais sabor ao prato. Pronto, temos o duelo histórico deste domingo (9/11), pelo Campeonato Brasileiro.

LEIA MAIS
Relembre os Gre-Nais mais marcantes da história
Relembre jogadores com passagens por Grêmio e Inter

Com 56 pontos, o Internacional aparece na terceira colocação do Nacional. O Grêmio, em sexto, tem dois pontos a menos. Diferença que pode aumentar para cinco pontos caso o Colorado vença, como também pode fazer com que o Tricolor ultrapasse o maior rival. Na briga pela Libertadores, esse confronto é crucial para as duas equipes.

Neste domingo, os tricolores podem acompanhar a primeira vitória do Grêmio diante do Internacional na nova Arena. No Gaúchão, o time até saiu na frente, mas sofreu a virada em seus domínios. Nos outros confrontos, empates. A festa gremista promete ser enorme devido à movimentação nas bilheterias e com os sócios-torcedores.

Durante os 90 minutos, um clima de saudosismo e esperança será sentido na Arena Grêmio. De um lado, Felipão, Grohe, Giuliano, Barcos… do outro, nomes como Abel Braga, D’Alessandro, Aranguiz… Além disso, Nilmar, Rafael Moura e Wellington Paulista costumam ser carrascos do Imortal.

O Campeonato Brasileiro ainda tem mais seis rodadas. E, para Grêmio e Internacional, este duelo pode manter ou mudar os rumos das equipes no torneio.



Aficionado por futebol, escreve sobre o Grêmio "para o que der e vier". Não tece comentários bebendo vinho, mas sempre coloca o Mundial no caminho. Trarei a visão não-regionalizada do Imortal. Curta, compartilhe e comente.