Ex-goleiro da seleção inglesa vai à falência e é obrigado a leiloar camisas e memorabílias

O ex-goleiro da seleção inglesa David James declarou falência em maio, apesar de ter ganho acima de £20 milhões (cerca de R$ 80,1 milhões) apenas em salários durante 25 anos de carreira profissional. Agora, para se livrar das dívidas, o atleta vai ter de leiloas todas as suas memorabílias, incluindo carros, discos e uma coleção de camisas de futebol.

Apesar da dívida milionária, James, de 44 anos, continua atuando. Ele é atualmente goleiro e gerente do Kerala Blasters, da Indian Super League, a nova e rica liga indiana.

Mesmo assim, a casa de leilão Hilco, em Kent, irá colocar à venda sua coleção de 150 camisas de futebol autografadas, shorts e bolas de jogo. E não é só isso. James também está leiloando uma van Vauxhall Astra personalizada, equipamentos de DJ, 1800 discos, livros, brinquedos, aparelhos de ginástica, uma motosserra (!) e uma coleção de motocicletas.

James teve uma carreira de sucesso no futebol. Ele jogou por grandes clubes como Liverpool, Manchester City e West Ham, e vestiu a camisa da seleção da Inglaterra por 53 vezes, incluindo jogos da Copa do Mundo de 2010.

Além disso, o jogador também trabalho como modelo, tendo desfilado por grifes como a Armani, como comentarista esportivo no canal de TV BT Sport e como colunista do jornal The Observer.

No entanto, além de sempre ter esbanjado muito dinheiro, James também perdeu parte de sua fortuna ao se divorciar de sua ex-mulher, Tanya, em 2005.

Crédito da foto: Getty Images



Jornalista, formado na Metodista, com passagens pelo UOL, R7, Meia Hora e Diário do Grande ABC.