Torcedores criticam SporTV por cortar pódio do GP dos EUA de F1

O SporTV transmitiu com exclusividade o GP dos EUA de Fórmula 1 neste domingo, já que a corrida, disputada às 18h no horário de Brasília, coincidia com a rodada do Campeonato Brasileiro, impedindo a Rede Globo de exibir a prova na TV aberta. A cobertura do canal fechado ganhou elogios dos torcedores nas redes sociais ao longo do fim de semana, mas cometeu um deslize que não foi perdoado pelos fãs da F1: cortou o pódio para mostrar o jogo entre Palmeiras e Bahia, pelo Brasileirão.

LEIA MAIS
Lewis Hamilton vence o GP dos EUA de F1; Massa é o 4º

Pouco depois da chegada da corrida, que teve Lewis Hamilton como vencedor, Nico Rosberg em segundo e Daniel Ricciardo em terceiro, o narrador Sérgio Maurício ouviu os comentários de Lito Cavalcanti e do piloto Felipe Nasr, e logo encerrou a transmissão, fazendo uma ponta direta com o locutor Milton Leite, que estava na Fonte Nova, em Salvador.

O problema é que ainda faltavam 15 minutos para o início da partida. O SporTV transmitiu a entrada dos jogadores em campo, a execução do Hino Nacional Brasileiro, e também do Hino do Estado da Bahia. Tudo isso enquanto o trio Hamilton-Rosberg-Ricciardo subia ao pódio para receber os troféus e fazer a festa com champanhe.

Nas redes sociais, a torcida não perdoou o fato de o canal não ter exibido o pódio nem em um de seus outros dois canais. Para quem não viu, restou o compacto transmitido pela Globo horas mais tarde. Mas o SporTV foi criticado duramente pelos fãs.



Editor do Torcedores.com, está no site desde julho de 2014. Repórter e apresentador da TV Torcedores. Formado pela Universidade Metodista de São Paulo, já passou por UOL, Editora Abril e Rede Record. Participou da cobertura da Copa do Mundo de 2014, de dois Pans, dos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e do Rio 2016.