Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

5 motivos para o torcedor do Botafogo ir ao Engenhão hoje

Líder da Série B, o Botafogo enfrenta nesta terça (20) o Ceará no Engenhão, em jogo atrasado da 30ª rodada.

Bia Palumbo
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: Foto: Vitor Silva / SSPress

LEIA MAIS:
Botafogo faz campanha para jogar no Maracanã
Torcida do Botafogo xinga Dunga por barrar Jefferson na seleção

1) Ceará luta contra o rebaixamento e já perdeu 11 jogos como visitante. O alvinegro de Fortaleza está em 18º lugar e nem mesmo uma vitória tira o time do Z4.

2) Ataque centenário: no último final de semana, Botafogo chegou a 100 gols na temporada e o destaque é a dupla Neilton-Navarro, que chegou no meio do ano e já caiu nas graças da torcida.

3) Se vencer, o Botafogo abre seis pontos de vantagem para o vice líder Vitória e 11 para o Bahia, que fecha o G4. Com sete rodadas para o final do campeonato, o acesso é praticamente certo com 62 pontos.

4) A preliminar no Engenhão terá Boavista x Volta Redonda, válido pela Copa Rio. Três ex-jogadores do Botafogo estão no time de Saquarema: o goleiro Milton Raphael, o jovem atacante André Luis e o técnico Rodrigo Beckham. Os dois primeiros estão emprestados e aguardam por novas oportunidades.

5) Alvaro Navarro está a dois gols de se tornar o principal artilheiro do Botafogo na temporada. Ele tem nove até o momento, contra 11 de Bill, que deixou o clube em junho.

A seleção brasileira gerou uma reviravolta no Botafogo que alterou data de jogos e ainda colocou o goleiro Jefferson na berlinda.

Titular na Copa América, Jefferson foi convocado por Dunga para disputar a abertura das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. Como estaria sem o capitão, o Botafogo solicitou à CBF o adiamento dos jogos durante o período em que o goleiro estivesse servindo a seleção. O pedido foi aceito e o alvinegro ficou 15 dias se preparando para enfrentar o Bragantino no último sábado (17).

Na seleção de Dunga, Jefferson jogou contra o Chile na derrota por 2 a 0 e saiu de campo criticado após suposta falha. Ele ficou no banco de reservas de Alisson na segunda rodada, o que surpreendeu a muitos torcedores e jornalistas. De volta ao Botafogo, o camisa 1 foi recebido com carinho e agora é uma das armas para voltar à primeira divisão.

(Foto: Vitor Silva / SSPress)

As melhores notícias de esportes, direto para você