Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Flamengo: Guerrero revela que tomou infiltrações para jogar e treinar

O peruano Paolo Guerrero falou, em coletiva após o treinamento na manhã desta quinta feira (01.10) no Ninho do Urubu, que ainda vem se recuperando fisicamente. O camisa 9 falou também sobre as cobranças pelo seu desempenho, e revelou que tomou infiltrações para a partida contra o Vasco e antes do treino de hoje.

Allan Abi Madi
Colunista do Torcedores.com.

Crédito: Getty Images

LEIA MAIS:
Cartola fala sobre possível troca entre Flamengo e Corinthians
Presidente do Grêmio admite que pode trocar jogadores com São Paulo para permanência de Maicon
Mercado da Bola: Rodrigo Caetano nega acerto com Yago Pikachu e Willian Arão 

O time do Flamengo vem sendo alvo de críticas de uma parte da torcida após sequência negativa de três derrotas, que afastou um pouco o time do G-4 do Brasileirão. E nem o craque do time, Paolo Guerrero, tem escapado dessa cobrança. Porém, o camisa 9 lembrou que vem de uma lesão forte, e revelou que tem tomado infiltrações.

 Tive uma lesão muito forte e fiquei três semanas parado, agora estou voltando. Ainda tenho um pouco de dor, o que me impede de fazer alguns movimentos. Mas os médicos dizem que isso vai passando conforme vou jogando. Ontem tomei infiltração para ver se melhora, hoje melhorou muito. Espero que fique assim até domingo, pois será um jogo importante para nós. Fico tranquilo, me cobrando nos treinos e fazendo todo o esforço para pegar ritmo novamente. É isso que quero – revelou o peruano.

O atacante disse que sentiu dores no clássico da última rodada diante da equipe do Vasco, partida em que também tomou infiltrações.

Quero ajudar o Flamengo, mais ainda pela situação em que a gente está. Infelizmente essa lesão me deixou três semanas fora dos campos. Estou voltando, fazendo todo o esforço fisicamente. Treinei só sábado com o time e fui para o jogo contra o Atlético-MG. Depois veio o outro jogo (contra o Vasco). Mas estamos aqui, estou pegando meu ritmo, conversando com meus companheiros e com o treinador, que precisa de mim. Espero que esse incômodo que tenho no pé não exista mais no domingo. Infelizmente no último jogo isso me incomodou muito, me impediu de fazer muitos movimentos. Hoje fizemos um coletivo e não me incomodou em nada, porque tomei uma infiltração ontem. Espero que siga assim, porque senão vou ter que tomar outra infiltração para jogar domingo.

O atacante lembrou que muitos jogadores chegaram depois no clube e que ainda existe busca pelo entrosamento.

– Não é da noite para a manhã que tudo acontece. Precisamos ter paciência. Cheguei a dois meses. Demos uma melhorada, mas o time ainda não está muito entrosado. Isso é do futebol. Quando cheguei estávamos bem abaixo do que estamos hoje.

Guerrero tem a chance de encerrar o jejum de gols no próximo domingo, quando o Flamengo enfrenta o Joinville, no Maracanã, às 11 h. O rubro-negro quer voltar a vencer para encostar novamente no G-4 da competição.

Foto: Getty Images

Curtiu essa matéria? Siga o autor no Twitter: @allanmadi