Marcelo Melo: Brasil tem novamente um número 1 do mundo no tênis

Pela terceira vez na história do tênis, o Brasil verá um representante no topo da modalidade. Nessa sexta-feira, o mineiro Marcelo Melo avançou à semifinal do ATP 500 de Viena, Áustria, ao lado do polonês Lukasz Kubot ao bater a parceria formada pelo holandês Jean-Julien Rojer (NED) e Horia Tecau (ROU) 7/6(4) e 6/4. Assim ele ultrapassará os irmãos Bob e Mike Bryan na lista do dia 2 de novembro, chegando ao posto de número 1 do mundo, algo que só Gustavo Kuerten e Maria Esther Bueno fizeram anteriormente.

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

Crédito: SHANGHAI, CHINA - OCTOBER 17: Marcelo Melo of Brazil returns a shot against Rohan Bopanna of India and Lukas Kubot of Poland during their men's double semi-final on day 7 of Shanghai Rolex Masters at Qi Zhong Tennis Centre on October 17, 2015 in Shanghai, China. (Photo by Kevin Lee/Getty Images)

LEIA MAIS:
Pelo terceiro ano seguido, Rafael Nadal jogará o Rio Open
Com novo parceiro, Marcelo Melo é campeão de duplas em Xangai
Marcelo Melo vence em Tóquio e entra na briga pelo topo do ranking de duplas

Após sofrerem uma quebra de saque logo no início do primeiro set, Melo e Kubot reagiram, quebraram de volta e levaram a disputa para o tie-break, em que venceram por 7/4. No segundo set, o brasileiro e polonês conseguiram quebrar o serviço de Rojer/Tecau no sétimo game e confirmaram até o fim para triunfar. A partida não teve transmissão ao vivo por nenhum canal por assinatura para o Brasil, porém é de se imaginar que o gigante Melo deve ter ido ao chão de tanta alegria.

Na lista dessa semana, Bob e Mike Bryan aparecem empatados com 8.490 pontos, contra 7.980 de Melo. Em Viena, Mike jogou com o compatriota Steve Johnson, já que Bob espera o nascimento de seu terceiro filho. A dupla perdeu na primeira rodada, o que ajudou ainda mais o caminho do brasileiro. Bastava, então, chegar à semifinal para superá-los na próxima divulgação da ATP.

Para entender

Expliquemos. Como os 1000 pontos dos Bryan referentes título do Masters de Paris do ano passado caírão exatamente no dia 2 de novembro, Bob e Mike perderão terreno para Marcelo, que só tem 180 pontos para descontar até lá, da semifinal na Basileia. Como Melo chegou à semi em Viena, a pontuação será suficiente para dar ao mineiro de 32 anos o gostinho de ser número 1 no feriado de Finados.

Em 2015, Melo tem feito uma campanha espetacular com quatro títulos conquistados, entre eles o de Roland Garros com o parceiro fixo Ivan Dodig (também levaram juntos o ATP 500 de Acapulco). Nas últimas semanas, o brasileiro venceu, na sequência, o ATP 500 de Tóquio e o Masters 1000 de Xangai, ambos com o sul-africano Raven Klaasen.

Vale lembrar que Bob e Mike, a mais dupla de todos os tempos, ficaram mais de 400 semanas no topo do ranking ATP. A última vez que nenhum dos gêmeos norte-americanos liderou a lista da entidade aconteceu em 2008, quando o sérvio Nenad Zimonjic ousou quebrar a hegemonia da família Bryan.

Na Áustria vem mais um título?

Na semifinal de Viena, Melo/Kubot enfrenta a dupla formada pelo espanhol David Marrero e o italiano Andreas Seppi neste sábado.