Companheiro de Kaká na MLS não concorda com eleição de melhor jogador do torneio

No dia 2 de dezembro, a Major League Soccer (MLS), liga profissional de futebol dos Estados Unidos, elegeu o italiano Sebastian Giovinco, do Toronto, como o melhor jogador da temporada 2015. Porém, a decisão não agradou a todos, entre eles, o meia brasileiro Pedro Ribeiro, que atua pelo Orlando City, o time de Kaká.

LEIA MAIS:

Após desertar, “Messi cubano” pode jogar na MLS em 2016

Revelação da MLS rejeita renovação do New York Red Bulls e pode jogar na Europa

Franquia de Beckham em Miami tem entrada na Liga aprovada

Em entrevista ao Goal.com, o jogador até elogiou o atacante, que esteve na mira do Cruzeiro e marcou 23 gols, além de ter sido artilheiro e líder de assistências da temporada regular, mas afirmou que Kei Kamara, atacante do Columbus Crew, vice-campeão da MLS nesta temporada, merecia mais.

“O Giovinco se destacou e foi muito bem. Mas para mim, o melhor jogador da MLS neste ano foi o Kei Kamara. Ele tem muita qualidade e teve um ano sensacional. Para mim, foi o jogador que mais se destacou neste ano”, disse Pedro.

Natural de Serra Leoa, Kei Kamara marcou 22 gols na fase regular e quatro nos playoffs, sendo o artilheiro geral do torneio.

Foto: Divulgação/Orlando City