Mercado da bola 2016: Flamengo faz proposta por Mancuello, do Independiente

Reprodução/Facebook

O ano de 2016 não começou, mas o Flamengo já está pensando na próxima temporada há bastante tempo. Por isso se reforçou desde a comissão técnica para não repetir o decepcionante 2015. Após as chegadas de Muricy Ramalho, Willian Arão, Rodinei e Juan, o Rubro-Negro está engatilhado em várias frentes no mercado. Uma delas é o meio-campo, que pode ser preenchido com o argentino Federico Mancuello, do Independiente.

LEIA TAMBÉM:
Flamengo cobra Paulinho por foto “corintiana” e avisa que atleta será negociado

De acordo com reportagem do GloboEsporte.com, o meia de 26 anos recebeu uma proposta oficial do Flamengo na semana passada. A cúpula rubro-negra estaria disposta a pagar US$ 1,5 milhão (cerca de R$ 6 milhões) por 50% dos direitos do jogador, já que o empréstimo não é uma possibilidade. O contrato seria válido por três temporadas.

O Independiente, todavia, recusou a oferta e pede US$ 3 milhões (quase R$ 12 milhões). Jorge Damiani, diretor de futebol do Independiente, confirmou a proposta do Flamengo e crê em um desfecho positivo, até porque as duas partes podem chegar a um consenso caso o Rubro-Negro proponha valores próximos da contraproposta.

Segundo o dirigente argentino, o Atlético-MG também está no páreo. “Creio que há possibilidade (Mancuello ir para o Flamengo). Se chegarem perto do número que pedimos, podemos fechar. Além disso, o Atlético-MG está vindo pelo Mancuello também. Então, o Flamengo tem que se apressar”, disse Damiani em entrevista ao GloboEsporte.com.

Mancuello é considerado o principal jogador do Independiente e recentemente foi convocado pela primeira vez para a seleção argentina. Na estreia, marcou um dos gols na vitória sobre El Salvador em amistoso. Capitão do seu clube, o meia é canhoto e chegou a entrar na pré-lista dos 30 jogadores que defenderiam o país na Copa América, porém ficou fora da relação dos 23 convocados.

Curtiu a matéria? Siga o autor no Twitter: @fontes_matheus.
Facebook: Matheus Martins Fontes.

Foto: Reprodução/Facebook



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.