Mercado da Bola 2016: Santos buscará parceiros para repatriar Robinho, segundo presidente

Getty Images

O Santos tentará repatriar Robinho novamente. O experiente atacante, de 31 anos, acabou de ficar sem contrato com o Guangzhou Evergande (CHN), por onde ficou o segundo semestre, e está disponível para conversar com os clubes brasileiros para um novo retorno. O Peixe será um dos interessados se obtiver parceiros que banquem o custo do jogador, segundo o presidente Modesto Roma Júnior, em entrevista ao jornal Estado de S.Paulo.

LEIA MAIS
19 coisas que só o torcedor do Santos pode dizer aos rivais
Seis jogadores que irritaram a torcida do Santos em 2015
Seis jogadores que deixaram a torcida do Santos feliz em 2015
O que esperar do Santos para a temporada 2016?

“Ele pode voltar desde que tenha um parceiro forte que nos ajude a pagar os salários. Não podemos contratar gastando mais do que a gente tem em caixa. Isso é fundamental porque precisamos ter responsabilidade na gestão. O futebol brasileiro não aceita mais aquela história do que eu finjo que pago e você finge que joga. É preciso ter receitas suficientes para cobrir as despesas. Por isso, já estamos conversando com parceiros para poder contar com Robinho”, disse Roma Jr, que admite dificuldades em um acerto.

A advogada e Robinho, Marisa Ramos, também já admite que ele está aberto a negociações. “Ainda estamos em negociações na China, mas voltar ao Brasil é uma possibilidade. O Robinho acredita que teve uma boa passagem e não teve problemas na China. Ele sobreviveu (sobre a adaptação à Ásia). Sobre o Santos, estamos à disposição para conversar”, contou. Caso volte à Vila Belmiro, será a quarta passagem dele pelo Alvinegro Praiano.

Crédito da foto: Getty Images



Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Atualmente como repórter colaborador no site Torcedores.com.