Palmeiras, nos pênaltis, fatura a Copa do Brasil

O Palmeiras venceu no tempo normal o Santos por 2 a 1 e fez 4 a 3 nos pênaltis, conquistando assim o seu terceiro título da Copa do Brasil. Dudu fez os gols no tempo normal e Ricardo Oliveira descontou para o Peixe. Nos Pênaltis: Para o Palmeiras: Zé Roberto, Jackson, Cristaldo e Fernando Prass fizeram, com Rafael Marques desperdiçando. Para o Santos: Geuvânio, Lucas Lima e Ricardo Oliveira fizeram com Marquinhos Gabriel e Gustavo Henrique desperdiçando suas cobranças. Com o resultado, além da conquista, garantiu a sua vaga na copa Libertadores da América de 2016.

Sandro Varela
Colaborador do Torcedores

O jogo começou com o Palmeiras no ataque e aos 12 segundos, Lucas Barrios aciona Gabriel Jesus, que chuta em cima do goleiro saindo para escanteio. Na cobrança a zaga afasta o perigo. Aos dois, nova pressão palmeirense e Gabriel Jesus disputa com o pé alto sobre David Braz. Falta marcada. O alviverde tentava fazer valer o fator casa. Dudu passou para Robinho e a bola sobrou para Gabriel Jesus, que conseguiu mais um escanteio. Na cobrança, Vitor Ferraz afasta o perigo. O Santos não estava deligado João Pedro perdeu para Zeca, que acionou Marquinhos Gabriel, e ele mandou na trave, em seguida a defesa tomou a bola, mas tivemos falta anotada. No minuto 9, o jogo foi parado por falta em Ricardo Oliveira e no ataque seguinte, Robinho conseguiu escanteio. Na cobrança, a zaga afasta.

A equipe verde tocava a bola tentando explorar algum espaço na defesa santista, mas faltava um pouco de inspiração na parte ofensiva. Aos 14, Lucas Lima arranca pela direita e é travado na bola por Victor Hugo. No lance seguinte, Barrios sofre falta na meia direita. Na cobrança de Robinho, ela saiu pela linha de fundo. Aos 16, Gabigol ganha da zaga, arranca e chuta com perigo ao gol do Verdão. Tiro de meta anotado e no lance seguinte, uma trombada envolvendo Arouca, Gabriel Jesus e Thiago Maia, com o santista levando a pior. No lance seguinte, Dudu rola na esquerda para Gabriel Jesus, que tenta lançar e manda pela linha de fundo, aos 18, Vanderlei cobra mal o tiro de meta e cede lateral, Dudu recebe passe no meio de Barrios e chuta sem direção. Aos 20, João Pedro invade a área, joga para Barrios e a zaga afasta, logo depois, Gabriel Jesus cai na área e ao mesmo tempo, David Braz sente contusão e pede para sair do jogo. Werley entra em seu lugar.

No minuto 25, Robinho aciona Gabriel Jesus na esquerda e a zaga afasta. Logo depois, Zé Roberto invade a área e leva um tranco de Lucas Lima, mas o juiz nada marca. O Santos tenta com Lucas Lima e a defesa afasta, no ataque seguinte, Robinho aciona Barrios na área e Vanderlei desvia pela linha de fundo. Na cobrança, a defesa tenta cortar e depois Vanderlei leva um tranco de Barrios e pediu atendimento médico. O Palmeiras seguia pressionando e em novo escanteio, Victor Hugo mandou para fora.

Aos 37, Dudu aciona Zé Roberto, que tenta jogar na área para Barrios, mas Gustavo Henrique tira o perigo. No minuto seguinte, Lucas Lima cruza para Ricardo Oliveira e Prass defendeu, no lance seguinte Barrios recebe o lançamento e a defesa fica com a bola. Gabriel Jesus sentiu novamente o ombro e saiu para a entrada de Rafael Marques aos 41. Aos 43, o camisa 19 recebe pela esquerda e tenta lançamento que parou nas mãos de Vanderlei. A equipe praiana tenta prender a bola no ataque e Lucas Lima aciona Ricardo Oliveira que disputa com João Pedro e deixa escapar pela linha de fundo. Aos 47, Rafael Marques tenta virar o jogo com João Pedro, mas o jovem lateral deixa a bola escapar. No final da primeira etapa, o Palmeiras pressionava atrás do gol, mas a defesa cortou com Zeca e o placar terminou inalterado.

A segunda etapa começou com o Palmeiras pressionando mais e aos três, Gabigol derrubou Arouca no seu campo de ataque e chutou a bola em cima dele. Cartão amarelo ao camisa 10 santista. Aos seis, Matheus Sales entra duro em Lucas Lima e também ganha cartão amarelo. Aos nove, Lucas Lima tenta um lance na área e Matheus Sales afasta para a linha de fundo, na cobrança a zaga afasta e no ataque seguinte Dudu tentou acionar Barrios, mas a bola já tinha saído. No ataque seguinte, Barrios aciona Robinho, que rola para Dudu que abre o placar. Palmeiras 1 a 0.

O Santos tentava adiantar a marcação para buscar o empate e aos 16, Gabriel tenta um lançamento na área pela esquerda, mas Prass faz a defesa. Depois, Renato e Dudu batem cabeça e o jogo parou para atendimento médico. No minuto 18, Lucas Lima domina e aciona Ricardo Oliveira e a bola sai pela linha de fundo. O Santos mexeu pela segunda vez, saiu Gabigol e entrou Geuvânio. No lance seguinte, João Pedro tabela com Arouca e consegue escanteio, na cobrança, a zaga afasta e depois, João Pedro agarrou Lucas Lima e ganhou o cartão amarelo. No minuto 20, Geuvânio recebe na área e chuta para fiora. Aos 21, Zé Roberto aciona na área e a defesa afastou.

Aos 24, o Palmeiras trama mais um ataque com Arouca, que rola para Robinho, contudo a zaga afasta. No lance seguinte, Zeca avança pela esquerda e tenta uma joga na área, só que a bola sai forte e pela linha de fundo. Aos 26, sai Barrios e entra Cristaldo e um minuto depois, sai João Pedro e entra Taylor. O Palmeiras estava mais presente no ataque e merecia marcar o segundo gol. Geuvânio perdeu a bola para Dudu, que tenta uma arrancada e o camisa 11 consegue recuperar. Thiago Maia cai no gramado reclamando de dor e pede atendimento médico. Aos 30, Lucas Lima tenta uma jogada na área, mas deixa a bola escapar pela linha de fundo. No minuto 31, Cristaldo ganha da defesa e tenta acionar Rafael Marques, mas a defesa afasta o perigo. Aos 32, nova tentativa de pressão santista e Ricardo Oliveira chuta para defesa de Prass. No ataque seguinte, aos 34, Cristaldo aciona na área em direção de Rafael Marques, só que o camisa 19 estava impedido. No minuto 35, Robinho aciona Taylor, que tenta invadir a zaga mas chuta para fora. Aos 36, Thiago Maia saiu para a entrada de Paulo Ricardo e depois, Vitor Ferraz tenta acionar Oliveira na área, mas Prass defende. No minuto 37, Geuvânio arranca pela direita e no lançamento para Oliveira a bola escapa pela linha de fundo. Aos 38, falta sobre Cristaldo e na cobrança, a bola sobra para Dudu, que ganha da zaga e empurra para o fundo da rede santista. Palmeiras 2 a 0.

No recomeço do jogo, Dudu recebeu o cartão amarelo e a defesa palmeirense relaxou para o desvio de Werley e a alegria de Ricardo Oliveira, que faz o primeiro santista aos 42. Palmeiras 2 a 1. Ainda tivemos aos 44 o impedimento de Lucas Lima. A partida no tempo normal terminou 2 a 1, e com o 1 a 0 na Vila resulta em 2 a 2. Vamos aos pênaltis.

O Santos abriu a série de cobranças com Marquinhos Gabriel, que mandou para fora. Pelo Palmeiras, Zé Roberto abriu a série de cobranças e fez 1 a 0 com um chute no ângulo. Gustavo Henrique bateu o segundo santista e Prass defendeu. Rafael Marques cobrou o segundo penal do Palmeiras e Vanderlei defendeu o chute. A terceira rodada de cobranças foi aberta por Geuvânio e ele fez o 1 a 1 santista. Jackson bateu o seu e guardou. Palmeiras 2 a 1. Lucas Lima partiu para a quarta cobrança e fez o seu, 2 a 2. Cristaldo partiu para o quarto chute palmeirense e fez o seu. Palmeiras 3 a 2. Ricardo Oliveira vinha para o quinto tiro santista e fez o 3 a 3. Fernando Prass com muito sangue frio fez o gol do título. Palmeiras tricampeão da Copa do Brasil!

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 2 (4) x (3)1 SANTOS

Data: 02/12/2015
Horário: 22h (de Brasília)
Competição: Copa do Brasil (final)
Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Marcelo Carvalho Van Gasse (ambos de SP)

Gol: Dudu aos 11 e aos 39 minutos do segundo tempo (Palmeiras); Ricardo Oliveira aos 41 minutos do segundo tempo (Santos)
Nos Pênaltis: Para o Palmeiras: Zé Roberto, Jackson, Cristaldo e Fernando Prass fizeram, com Rafael Marques desperdiçando. Para o Santos: Geuvânio, Lucas Lima e Ricardo Oliveira fizeram com Marquinhos Gabriel e Gustavo Henrique desperdiçando suas cobranças

Cartões amarelos: Gabriel (Santos); Matheus Sales, João Pedro e Dudu (Palmeiras)

PALMEIRAS: Fernando Prass, João Pedro, Jackson, Vitor Hugo e Zé Roberto; Matheus Sales, Arouca, Dudu, Robinho e Gabriel Jesus (Rafael Marques); Barrios (Cristaldo). Técnico: Marcelo Oliveira.

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz (werley), Gustavo Henrique e Zeca; Thiago Maia (Paulo Ricardo), Renato e Lucas Lima; Gabriel (Geuvânio), Ricardo Oliveira e Marquinhos Gabriel. Técnico: Dorival Júnior.

Foto: Reprodução TV