Jornalista polemiza após Dudu perder pênalti em derrota do Palmeiras: “Bom pra bater em mulher e em juiz”

Na noite deste sábado, o Palmeiras perdeu nos pênaltis para o Nacional-URU e a chance de levantar o caneco da Copa Antel, realizado no Uruguai. O alviverde perdeu três penalidades e um dos cobradores foi o meia Dudu, que foi alvo de crítica do jornalista José Calil.

Rafael Zocco
Colaborador do Torcedores

Crédito: Crédito: Getty Images

LEIA MAIS:
Veja qual o grande destaque do Palmeiras no quadrangular do Uruguai
Mesmo sem Copa Antel, Palmeiras tem mais títulos internacionais que o Corinthians
Nacional-URU vence Palmeiras nos pênaltis e é campeão da Copa Antel
Nacional-URU 0 (4) x (3) 0 Palmeiras: assista aos três pênaltis perdidos do Verdão

Em sua conta no Twitter, o apresentador da Rádio Transamérica não perdoou o palmeirense e declarou que o jogador “é muito bom para bater em mulher e em juiz de futebol”. A declaração de Calil tem a ver com problemas que o jogador enfrentou na justiça no passado.

Em 2013, Dudu foi acusado de agredir sua esposa em Goiânia e a justiça local condenou o atleta a cumprir serviços comunitários em 2015.

A outra polêmica envolve Guilherme Ceretta de Lima. Na final do Paulistão de 2015, diante do Santos, Dudu empurrou o árbitro após ser expulso no segundo jogo, realizado na Vila Belmiro. O STJD acabou punindo o jogador com um gancho de 180 dias (seis meses), mas depois teve a sua pena reduzida para seis partidas.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Crédito: Getty Images