Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Palmeiras: Ambev recusou sociedade com estádio palmeirense, diz PVC

O jornalista Paulo Vinícius Coelho afirmou em seu blog que a Ambev, empresa brasileira de bebidas, recusou participar de uma sociedade com o Palmeiras e a W.Torre. Antes de negociar os contratos com empresas que comercializam bebidas no Allianz Parque e vender o naming rights da Arena, o clube e a construtora procuraram a companhia brasileira, que recusou.

Willian Almeida
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e editor de Hard News do Torcedores.com.

Crédito: Foto: Reprodução/Facebook

LEIA MAIS:
Ambev aciona o Allianz Parque para que estádio venda somente produtos da Antarctica; entenda
Gabriel Jesus afirma ser palmeirense desde criança e que não jogaria na China
Opinião: Departamento médico do Palmeiras é um dos mais falhos do Brasil
Melhor contratação do Palmeiras é o Allianz Parque, diz Tostão
Palmeiras pode perder Allianz Parque na reta final do Brasileirão; entenda o motivo
Palmeiras: Camisa de Fernando Prass está em falta desde a final da Copa do Brasil; entenda o motivo

A Ambev justificou a recusa ao dizer que não tinha como estratégia de marketing associar seu nome com apenas um clube. A empresa e o Palmeiras possuem uma relação histórica, pois o terreno em que hoje se localiza o clube social e o Allianz Parque, era chamado de Parque Antarctica e mantido pela companhia até 1920, quando o clube comprou o terreno e as dependências esportivas.

Ainda em seu blog, PVC afirmou que conversou em 2011 com o então diretor da Ambev, Ricardo Thadeu, e que existe a possibilidade de ainda ser construído um museu dentro do Allianz Parque, contando a história do Palmeiras, da cidade e da Companhia Antarctica.

Foto: Reprodução/Facebook