Internacional quita dívida com D’Alessandro

De acordo com informações do Globoesporte.com, o Internacional não possui mais pendências com o argentino capitão do time, Andrés D’Alessandro. O clube chegou a um denominador comum com o jogador negociando a dívida com valores cambiais da época.

Rogério Lagos
Colaborador do Torcedores

Crédito: Getty Images

LEIA MAIS
Fred, do Desimpedidos, faz o desafio do travessão com D’Alessandro; confira
Internacional decide título da Recopa Gaúcha nesta quarta

Internacional e D’Alessandro finalmente se acertaram. Tá certo que a dívida do clube com o jogador não influenciava no futebol do argentino em campo, mas foi um alívio para ambas as partes, uma vez que a negociação já se arrastava há algum tempo.

Como recebe em dólar no Internacional, D’Alessandro tinha noção de que a dívida poderia chegar a valores impagáveis ao clube. Os colorados, então, sugeriram pagar os débitos de acordo com a situação cambial do momento em que eles começaram, minimizando o impacto financeiro.

“Estamos acertados com o D’Alessandro. Está tudo zerado”, disse o o vice-presidente de Finanças do Internacional, Pedro Affatato, ao Globoesporte.com.

Com contrato recém renovado até dezembro de 2017, D’Alessandro tem plena consciência de que, a cada ano que passa, seu salário diminui no clube, muito por conta de sua idade. A paixão pelo Colorado também ajuda bastante o hermano a tomar certas decisões.

“Eu vou ficando mais velho e o contrato vai baixando. É normal, em um clube como o Inter. A última renovação minha foi assinada em dois minutos. Não tive nem que discutir. Meu salário vai baixando e tem que ser assim. Concordei e assinei meu contrato em dois minutos. Nunca cheguei a ganhar isso, R$ 800 mil, R$ 900 mil, R$ 1 milhão. Seria muito bom, mas nunca cheguei a ganhar isso no clube”, comentou D’Alessandro, na época de sua renovação, à Rádio Bandeirantes.

Após se entender com D’Alessandro, a diretoria do Internacional busca quitar suas pendências com Diego Forlán e Scocco, que nem atuam mais pelo clube gaúcho.

Foto: Getty Images