Shooto Brasil 61 marca retorno de Ronny Markes ao Brasil no primeiro evento do ano

Fernanda de Lima / Torcedores.com

 

Edição promove o duelo entre o potiguar Ronny Markes (15-3-0) e o pernanbucano Cassio Jacaré (16-6-0) na luta principal deste sábado 13, no Rio de Janeiro;

No principal embate da noite, o ex-UFC na categoria meio-pesado, Ronny Markes, retorna ao Brasil após quase cinco anos atuando no exterior para encarar o atleta da Kimura Nova União Cássio Jacaré, pela divisão até 93kg. Já no co-exento, o invicto Alcides Nunes (6-0-0) encara o experiente Benito Tavares (5-3-0) em duelo que acontece em peso combinado de até 71kg.

Na pesagem oficial o clima foi de tranquilidade entre os atletas, realizada na tarde desta sexta-feira, dia 12,  Ronny Markes e Cássio Jacaré não tiveram problemas com a balança e marcaram 93,3kg e 93,1kg, respectivamente, dentro do limite da divisão.

Os únicos atletas que não conseguiram atingir o peso limite de suas categorias foram Flavio Viana (1-0-0) e Carlão Silva (6-1-0), ultrapassando 1,2kg e 700g, respectivamente. Enquanto Flavio terá que atingir 75kg até às 17h deste sábado, Carlão terá que marcar 77kg até o mesmo horário. Os dois foram multados em 20% da bolsa, repassada aos adversários.

Ronny Markes retorna ao Shooto Brasil após quase cinco temporadas no exterior, onde teve passagens pelo UFC e WSOF. Pelo UFC o brasileiro obteve três vitorias e duas derrotas, sendo sua ultima participação pelo UFC Fight Night 38 – Shogun vs. Henderson 2 quando foi nocauteado pelo compatriota Thiago “Marreta”, Pelo Shooto, Ronny venceu Diogo Lima, na edição 22 por nocaute, em abril de 2011, e conquistou o cinturão de meio-pesados da franquia. Com um cartel de 15 vitórias e três derrotas, o atleta da Kimura Nova União não entra em ação há um ano e meio, quando derrotou Colly Butterfield, ainda pelo WSOF, em 2014.

“Estamos dando a largada para mais um ano de muito sucesso e crescimento para o Shooto. Em 2015 conseguimos evoluir em diversos aspectos e a expectativa é seguir dessa forma neste ano. Tenho certeza que teremos um evento com grandes duelos para iniciarmos com o pé direito”, afirma Dedé Pederneiras, presidente do Shooto Brasil.

Adversário de Markes, Cássio Jacaré é um exímio finalizador, tendo conquistado dez de seus 16 triunfos por submissão. Aos 32 anos, o atleta se recuperar de duas derrotas consecutivas sofridas nas últimas lutas. O Shooto Brasil 61 conta ainda com outros 11 combates, tendo início às 20h com transmissão ao vivo pelo Canal Combate.



Graduado em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Itajubá, Meu nome é Paulo Henrique tenho 28 anos, natural de São Lourenço MG, mas resido em Itajubá MG. Apaixonado por futebol e MMA, torcedor do Palmeiras e nas horas vagas Técnico como todo brasileiro. Procuro como colaborador, novos desafios unindo o gosto pela comunicação a paixão pelo esporte.