Ferroviária quebra série de derrotas e volta a vencer no Paulistão

Crédito: Leonardo Fermiano / Ferroviária

Sem vencer a quatro rodadas, acumulando quatro derrotas, a Ferroviária finalmente voltou a vencer na tarde deste sábado ao bater o Oeste pelo placar de 2 a 0, na Fonte Luminosa.

Os gols da Locomotiva foram marcados por Samuel e Tiago Marques, ambos no segundo tempo, dando sobrevida ao time que está perto da zona do rebaixamento, mas ainda sonha com as primeiras posições do Grupo C.

A nota triste do jogo fica por conta do confronto entre as torcidas de Ferroviária e Oeste. Graças a grade de proteção que separa as arquibancadas da torcida visitante, o pior não aconteceu. A Polícia Militar precisou ser acionada para que o tumulto parasse.

Na próxima rodada, a Ferroviária vai até a Baixada Santista para enfrentar o Santos, quinta-feira (31), às 21h30, na Vila Belmiro. Já o Oeste recebe o Audax Osasco, quarta-feira (30), às 19h30, no Estádio dos Amaros, em Itápolis.

O JOGO

Oeste deu saída de bola, mas foi a Ferroviária que sobressaiu durante o primeiro tempo. Mantendo o bom e velho toque de bola, a equipe não deu chances aos visitantes. Aos 16, após boa jogada pelo meio, o lance prosseguiu com cruzamento da direita de João Paulo. Samuel cabeceou e o goleiro Jeferson Romário espalmar para escanteio.

Aos 22, Samuel roubou a bola de Daniel Gigante e ficou cara a cara com Jeferson Romário, mas o atacante adiantou a bola e tocou fraco em cima do goleiro.

Mais Ferroviária no ataque. Aos 27, Samuel fez jogada individual até a linha de fundo e cruzou para a chegada de Wescley, mas o volante Leandro Melo se antecipou na marcação e cortou. Na jogada seguinte, novo cruzamento na área, a zaga afasta mal e sobra para João Paulo encher o pé na bola, que parou na defesa de Jeferson Romário.

Já aos 43, Rossetto fez boa jogada pela esquerda e rolou para João Paulo chutar, mas a bola passou por cima do gol, sendo a última chance do primeiro tempo.

No intervalo, o treinador Sérgio Vieira mexeu no escrete grená. Com uma contusão, Rafael Miranda deu lugar à Juninho. Logo aos cinco minutos, o treinador promoveu também a entrada de Tiago Marques no lugar de Danielzinho.

E foi aos 10 minutos, pela direita, que o atacante criou a primeira jogada do gol grená. Após cruzando rasteiro para área, Samuel tentou de letra, a bola bateu zaga e sobrou novamente para o atacante fuzilar para as redes: 1 a 0.

O jogo ficou favorecido aos mandantes, tanto que, aos 24 minutos, após cruzamento, Samuel disputou a bola com Brinner. Na sobra, a bola caiu nos pés de Tiago Marques, que fuzilou para ampliar o placar para a Ferroviária: 2 a 0.

Com o folga no placar, o português mexeu mais uma vez na equipe, colocando Thallysson no lugar de Luiz Paulo, que saiu com dores no joelho. Logo em sua primeira jogada, o lateral foi esperto e colocou a bola em jogo para João Paulo. O atacante cruzou de primeira, a zaga afastou mal e sobrou para Tiago Marques. O centroavante rolou para a chegada de Matheus Rossetto, que chutou cruzado. Samuel pegou de primeira e a bola saiu com perigo do gol de Jeferson Romário.

Aos 34, João Paulo cobrou falta quase da marca do escanteio. A bola pegou efeito e quase surpreendeu Jeferson Romário, que teve se esticar todo para espalmá-la para escanteio.

O time de Araraquara soube administrar o resultado em campo, tocando a bola e o time do Oeste nada pôde fazer para evitar mais uma derrota no campeonato.

FICHA TÉCNICA

FERROVIÁRIA 2×0 OESTE
Data: 26/03/2016, sábado
Horário: 16h
Local: Arena Fonte Luminosa, Araraquara
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo
Assistentes: Bruno Salgado Rizo e Fabrício Porfírio de Moura
Quarto árbitro: Giuliano Dutra Pellegrini
Público: 2.851 pagantes
Renda: R$ 48.640,00 reais
Cartões Amarelos: Wanderson e Luiz Gustavo (Ferroviária); Marcelinho Paraíba, Jeferson Romário e Brinner (Oeste)
Gols: Samuel (10′ do segundo tempoi) e Tiago Marques (24′ do segundo tempo)

FERROVIÁRIA: Rodolfo; Luiz Gustavo, Marcão, Wanderson e Luíz Paulo; Rafael Miranda (Juninho), Matheus Rossetto, Danielzinho (Tiago Marques) e Wescley; Samuel e João Paulo. Técnico: Sérgio Vieira.

OESTE: Jeferson Romário; Léo Príncipe, Brinner, Daniel Gigante e Fernandinho; Renan Mota, Leandro Melo, Mazinho e Betinho; Marcelinho Paraíba e Ricardo Bueno (Renato Kayzer). Técnico: Renan Freitas.