Opinião: 5 anos de um gol marcante

Boneco de Rogério lançado em homenagem ao gol 100. Crédito da Foto: Reprodução/Twitter Oficial São Paulo FC

O dia 27 de Março de 2011, um dia histórico, dia de clássico Majestoso, Tricolor contra alvinegro em Barueri, muitas emoções, vitória, gol de Dagoberto e outro gol que foi O gol, gol que entrou para a história, gol 100, gol do M1TO, gol de Rogério Ceni. E esse momento especial está fazendo aniversário. 5 anos de um dos momentos mais marcantes da história do Tricolor Paulista.

LEIA MAIS:
ROGÉRIO CENI DEFENDE SEU SUCESSOR NO SÃO PAULO: “OS ERROS ACONTECEM”

Em uma tarde de domingo e em dia de clássico, como hoje 27 de março de 2016, pelo Campeonato Paulista e jogando na Arena Barueri, estavam frente a frente São Paulo e Corinthians. Jogo difícil, força máxima das duas partes, a expectativa era de jogo truncado e placar apertado. Tabu em jogo, fazia 4 anos que o São Paulo não vencia o rival. Fatores para um jogo especial e que se tornaria histórico.

O primeiro tempo foi nervoso, com muitos passes errados e faltas violentas. Cenário de uma rivalidade que cresceu absurdamente nos últimos anos. O rival demonstrou mais controle de jogo na primeira etapa mas com gol de Dagoberto aos 39 minutos, o São Paulo saiu em vantagem.

Veio a segunda etapa e logo aos 8 minutos de jogo, o momento que nunca sairá da memória dos torcedores tricolores. Fernandinho sofreu falta frontal cometia por Ralf, contestação total dos jogadores alvinegros e comemoração antecipada por parte da torcida do São Paulo. Rogério Ceni que instantes antes fez uma linda defesa e evitou o empate, se encaminhava para a cobrança com calma mas sem dúvida com uma enorme ansiedade interna. Se posicionou, recebeu a autorização do árbitro e correu para com o pé direito passar a bola por cima da barreira, colocando no ângulo direito com o goleiro adversário ainda tocando na bola. Momento de êxtase total para o capitão tricolor, para os jogadores, para a torcida. Uma festa linda! 100 gols do maior goleiro artilheiro do Mundo! Nem o cartão amarelo para Rogério por tirar a camisa e o gol de Dentinho para o Corinthians foram capazes de atrapalhar a festa, assim como as 3 expulsões que houveram: Alessandro e Dentinho para o time corintiano, Dagoberto para o lado tricolor.

Fim de jogo, vitória do São Paulo, tabu encerrado e reverência para Rogério Ceni. 100 gols e um momento que pendurará para sempre. Hoje faz 5 anos de gol que está guardado nas lembranças e ainda mais nos corações tricolores.