Opinião: Comentários sobre a ascensão do Futebol Chinês

Shandong Luneng
Divulgação

O Futebol Chinês cresce de forma rápida. Sua ascensão se deve ao fato de ter uma competição, onde os clubes são investidos com dinheiro de empresas e do governo do país. Com o dinheiro nas mãos, os clubes vão desgovernadamente as compras, e o futebol brasileiro entrou de vez no radar dos chineses. Isso fez com que os brasileiros formassem uma opinião muito homogênea referente ao assunto aqui abordado.

 

LEIA MAIS

Saiba como foi a temporada 2015 dos principais jogadores brasileiros na China

Leia: No Futebol Chinês, cresce o salário e diminui o amor à camisa

Saiba qual estrela do futebol está próximo de ir para a China

Veja a seleção com os melhores jogadores do Futebol Chinês

Então veja a seguir como os torcedores brasileiros reagem à ascensão do futebol chinês:

Camilo Prado, 17 anos

“O futebol chinês faz hoje, algo parecido com o que a MLS vem fazendo nos últimos anos, mas com um objetivo distinto, ser competitivo e não apenas um espetáculo. O futebol chinês contrata jogadores que ainda possuem condições de atuar em alto nível, embora sua liga não extraia deles esse alto nível, para que talvez no futuro a liga chinesa possa ser algo parecido com a BPL (Barclays Premier League – Campeonato Inglês), clubes competitivos e com poucos jogadores naturais de seus países. Acho que a irritabilidade causada nos clubes europeus e americanos, ocorre justamente à diferença de objetivos entre a Liga Chinesa e a MLS, uma busca crescer focando na competitividade, a outra no espetáculo, por isso uma contrata quem ainda brilha e a outra quem já está se apagando.

Gabriel Silva, 23 anos

Eu acho que faz com que os jogadores pensem muito mais em dinheiro do que em se consolidar jogando bola. Mas é uma questão muito pessoal, ela pode garantir a vida financeiramente do atleta muito cedo, talvez por isso muitos jogadores optem por jogar na China. Acho também que enfraquece o potencial dos jogadores pelo nível do campeonato ser um tanto quanto baixo, mas em longo prazo pode ser que mude isso. Ainda é um campeonato pouco visto e os jogadores podem jogar qualquer coisa por lá tranquilamente, sem pressão e ganhando muito. Precisam investir mais em qualidade/organização no futebol e menos em salários.

Caio Villalva Guedes, 23 anos

Acho péssimo que alguns jogadores que estejam atuando no seu auge, tenham que ir pra uma liga fraca. É importante que surjam novos mercados no futebol mundial e que se desenvolvam novas ligas, porém, a ida desses jogadores acabam atrapalhando até a formação de seleções, pois inevitavelmente o nível técnico do jogador não é mais o mesmo. É um certo desperdício que um jogador no auge e com menos de 32 anos vá jogar um onde nível técnico seja mais baixo.

Antônio Jorge Filho, 20 anos

Eu acho que o futebol sul-americano tem sido o maior prejudicado, pois jogadores de suas seleções estão indo para essa liga fraca, deixando os treinadores nacionais com o dilema de continuar convocando eles ou não. Quanto aos chineses eu não sei se essa estratégia possa funcionar, talvez à longo prazo, mas alguns reflexos podem ser vistos, a equipe do Guangzhou jogou em bom nível no mundial de clubes.

 

Diante as opiniões aqui citadas, qual é sua opinião quanto ao assunto?