Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Pagenaud leva a melhor sobre Rahal, e vence em Barber

Simon Pagenaud venceu na noite deste domingo (24) o Grande Prêmio do Alabama, quarta etapa da IndyCar Series. O francês, que largou da pole position, esteve na liderança por praticamente toda a corrida, mas teve que travar uma disputa feroz contra Graham Rahal nas voltas finais, triunfando após uma troca de ultrapassagens.

Leonardo Marson
Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.

Coube a Rahal, que terminou a prova com a asa dianteira danificada, se contentar com a segunda colocação, seguido por Josef Newgarden, que quase superou o piloto da RLL na volta final. Will Power, que era segundo colocado até a última rodada de pit stops, terminou com a quarta colocação, enquanto Juan Pablo Montoya fechou o grupo dos cinco melhores após largar da última posição, seguido por James Hinchcliffe.

Os brasileiros terminaram a prova entre os dez primeiros. Helio Castroneves largou e chegou na sétima colocação, um posto à frente de Tony Kanaan, que iniciou em nono. A lista dos dez primeiros ainda contou com outros dois companheiros de equipe do baiano, com Charlie Kimball em nono e Scott Dixon em décimo.

A prova teve início logo com um acidente. Antes de passar a linha de largada, Carlos Muñoz atingiu os carros de Jack Hawksworth e Mikhail Aleshin, forçando a bandeira amarela. Quando a bandeira verde foi acionada novamente, foi a vez de Sébastien Bourdais tocar o carro de Dixon, que rodou.

O francês da Penske manteve a ponta nas voltas iniciais, enquanto Kanaan avançou da nona para a quinta colocação, passando inclusive por Castroneves, que caiu para a oitava posição. Mais atrás, as atenções se voltavam para Montoya, que largou em último e fez uma série de ultrapassagens.

Afora uma escapada de Conor Daly na 15ª passagem, a corrida seguiu com Pagenaud na liderança após a primeira rodada de paradas nos boxes. Montoya, por sua vez, já aparecia na sétima posição. Na metade da corrida, o líder do campeonato passou a ter problemas com Daly, que era retardatário e não dava passagem a ele, que viu Power se aproximar.

O australiano da Penske pressionou o companheiro de equipe até a última rodada de paradas nos boxes. Neste momento, Pagenaud abriu quatro segundos para Rahal, que tomou a segunda posição. Mas com o tráfego à frente, o piloto da Penske viu o representante da RLL se aproximar.

O dono do carro número 15 atacou o líder nas dez voltas finais, tomando a liderança após um toque em que Pagenaud saiu da pista. A partir deste momento, quem passou a ter problemas com os retardatários foi Rahal, que viu seu rival caçá-lo nas voltas finais, conseguindo a ultrapassagem da vitória com quatro voltas para o fim. O americano ainda perdeu a asa dianteira e quase perdeu a segunda posição.

A IndyCar Series terá prosseguimento no dia 14 de maio, com a realização do Grande Prêmio de Indianápolis.

Foto: Chris Owens/IndyCar