Saiba o quanto a Caixa pagará de patrocínio aos clubes brasileiros em 2016

Foto: Rodrigo de Oliveira/Agência Caixa de Notícias

A Caixa anunciou na última quarta-feira a renovação de contrato de patrocínio master com o Corinthians por mais 12 meses. A instituição financeira pagará R$ 30 milhões ao alvinegro, o maior valor entre os 12 clubes brasileiros com quem tem acordo.

LEIA MAIS:
Corinthians retoma parceria com a Caixa e pode ter o maior patrocínio do país 

Na série A do Campeonato Brasileiro, o Flamengo, dono da maior torcida do país, é o segundo que mais receberá do banco: R$ 25 milhões, seguido por Atlético-MG (R$ 12,5 milhões), Cruzeiro (R$ 12,5 milhões), Atlético-PR (R$ 6 milhões), Coritiba (R$ 6 milhões), Sport (R$ 6 milhões), Vitória (R$ 6 milhões) e Figueirense (R$ 4 milhões).

Na série B, o Vasco terá R$ 9 milhões, sendo R$ 7,5 milhões em patrocínio master e outros 1,5 milhão de bonificação por desempenho. O CRB-AL é o lanterninha com R$ 1 milhão.

Com a renovação com o Corinthians, a Caixa encerra a sua estratégia de patrocínio ao futebol em 2016, que incluiu critérios de regularidade fiscal e observância ao Profut. “Nosso patrocínio está focado no esforço coletivo de melhoria da gestão do futebol”, destacou Miriam Belchior, presidenta do banco. “A Caixa busca posicionar sua marca frente aos concorrentes ao mesmo tempo em que investe no desenvolvimento do esporte no país”, completou em comunicado divulgado à imprensa.

PATROCÍNIO MASTER DA CAIXA NA SÉRIE A:

1º: Corinthians: R$ 30 milhões

2º: Flamengo: R$ 25 milhões

3º: Atlético-MG e Cruzeiro: R$ 12,5 milhões cada

4º: Atlético-PR, Coritiba, Sport e Vitória: R$ 6 milhões cada

5º: Chapecoense: R$ 4 milhões

6º: Figueirense: R$ 4 milhões

PATROCÍNIO MASTER DA CAIXA NA SÉRIE B:

1º: Vasco: R$ 9 milhões *R$ 7,5 milhões em patrocínio master e 1,5 milhão de bonificação por desempenho

2º: CRB: R$ 1 milhão



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)