Torcedores – Notícias Esportivas

Fluminense recebe Ferroviária e quer evitar vexame pela Copa do Brasil

Fluminense e Ferroviária fazem um dos jogos mais esperados desta segunda fase, tudo por causa do jogo mirabolante que fizeram no jogo de ida, em Araraquara, onde a partida terminou empatada por 3 a 3, sendo que o time da casa estava perdendo por 2 a 0, com o goleiro Rodolfo expulso e, mesmo assim, conseguiu arrancar uma virada e fez o Tricolor carioca chegar ao empate.

Rafael Zocco
Colaborador do Torcedores

Crédito: Crédito: Leonardo Fermiano / Ferroviária

LEIA MAIS:

APÓS LESÃO NA COXA, DIOGO BARBOSA, SERÁ DESFALQUE PARA O TIME ALVINEGRO

VEJA OS JOGOS QUE O FOX SPORTS TRANSMITIRÁ COM EXCLUSIVIDADE NA COPA DO BRASIL E LIBERTADORES

Para a partida de hoje, às 21h30, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, o Flu tem a vantagem do empate até por 2 a 2 e entra mais confortável na decisão. Para a Locomotiva só resta a vitória. Caso o jogo termine novamente em um 3 a 3, a partida será decidida nos pênaltis. O empate acima deste placar garante o time do interior paulista na próxima fase.

Querendo evitar um grande vexame, o treinador Levir Culpi promoveu algumas mudanças na equipe. O atacante Richarlison, contratado junto ao América-MG no início do ano, deverá fazer a sua estreia pelo time carioca depois de se machucar durante a pré-temporada. Com a entrada do atacante, Osvaldo será ocupará o meio-campo no lugar de Gerson.

Além disso, Wellington Silva deverá ser deslocado para a lateral-direita no lugar de Jonathan, dando vaga para Giovanni na ala esquerda.

Pelos lados da Ferroviária, o treinador Antônio Picoli ganhou uma baixa inesperada. O goleiro Alexandre Cajuru, com uma lesão no tornozelo esquerdo foi vetado pelo departamento médico e está fora da partida. Tendo apenas Felipe, goleiro da equipe sub-20, à disposição, a diretoria agiu rápido e contratou o goleiro Matheus, que jogou o Campeonato Paulista da Série A2 pelo Batatais, que chegou até as semifinais da competição.

Outras perdas são dos laterais Alex Silva e Thallyson. O primeiro teve uma contusão de ligamento no joelho esquerdo e teve que retornar para o Atlético-MG, clube no qual tem contrato. Já o segundo acertou a sua ida para o Ceará. A diretoria grená tentou um acordo juntamente com o Vovô e o jogador, mas o time cearense não liberou o atleta. Para o seus lugares, o volante Renan Souza deverá começar o jogo na direita, enquanto Picoli promoverá o garoto Sávio, formado nas categorias de base do clube, pelo lado esquerdo do time.

O principal obstáculo do clube foi a renovação de contrato dos jogadores após o termino do Paulistão. A maioria de seus vínculos com a Ferrinha foram até o dia 11, porém os jogadores manifestaram vontade de ficar e ajudar o time nesta fase do torneio nacional.

“Fiz um esforço para ficar no clube, porque quero muito participar desse jogo e encerrar o ciclo de forma positiva. Desperdiçamos uma boa oportunidade de conquistar algo importante no Paulistão e agora temos essa chance na Copa do Brasil. Vamos lá com o objetivo de deixar a Ferroviária ainda viva na competição”, conta o volante Juninho, que está negociado com o América-MG.

Os nomes já estão regularizados no BID da CBF.

Confira os detalhes da partida de logo mais:

FICHA TÉCNICA

FERROVIÁRIA X FLUMINENSE
Data: 12/05/2016, quinta-feira
Horário: 21h30 (Brasília)
Local: Estádio Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)
Árbitro: Émerson de Almeida Ferreira (MG)
Assistentes: Celso Luiz da Silva (MG) e Marconi Helbert Vieira (MG)
Quarto árbitro: João Ênio Sobral (RJ)

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Wellington Silva, Gum, Henrique e Giovanni; Edson, Cícero, Gustavo Scarpa e Osvaldo; Richarlison e Fred. Técnico: Levir Culpi.

FERROVIÁRIA: Matheus Silva; Renan Souza, Luan, Marcão e Sávio; Juninho, Rafael Miranda, Wescley e Danielzinho; João Paulo e Tiago Marques. Técnico: Antônio Picoli.