Mercado da Bola 2016: 10 jovens destaques da Libertadores que seriam bons reforços para o seu time

Emanuel Mammana Foto: CA River Plate - Divulgação

A Libertadores 2016 apresentou uma opção variada de bons atletas em todo o futebol sul-americano, um bom motivo para os grandes clubes do Brasil ficarem de olho, haja visto que o Brasileirão teve seu início no último fim de semana e a janela de transferências deve ficar movimentada.

LEIA MAIS:
NA LIBERTADORES, GOLEIRO SALVA TIME COM TRÊS DEFESAS À QUEIMA ROUPA; ASSISTA

O Torcedores.com separou 10, que além de bons de bola, são jovens, sendo que muitos deles poderão ser vistos mais uma vez nos Jogos Olímpicos do Rio 2016.

Confira a lista:

 

Giovani Lo Celso (Rosário Central)

Habilidoso, com raciocínio rápido e com passe refinado, essas são características de um clássico meia armador agentino, esse é Lo Celso, do Rosário Central, que após retornar para a principal divisão na Argentina vem apresentando bons jogadores sob o comando de Coudet.

Giovane Lo Celso Foto: Divulgação
Giovane Lo Celso Foto: Divulgação

 

Aos 20 anos, o atleta foi revelado na base do Rosário, e seu futebol foi especulado em Juventus, Benfica e Barcelona, sendo que o clube da vez, segundo a imprensa européia é o PSG.

Em 13 jogos na temporada anotou 2 gols, e se destaca pela mobilidade e participação ativa no jogo, principalmente com assistências.

Lo Celso está na pré-lista da Argentina para os Jogos Olímpicos e deve estar no Rio de Janeiro em agosto.

Nico López (Nacional)

O melhor jogador do Nacional que realiza boa campanha na Libertadores, Nico López é também o artilheiro da equipe, com 7 gols em 10 jogos.

Com 22 anos, o jovem atacante uruguaio se destacou cedo, com 18 anos foi campeão uruguaio pelo Nacional e se transferiu para a Roma, depois Udinese, Verona e Granada, e em todos, sem sucesso.

César Greco - Agência Palmeiras
César Greco – Agência Palmeiras

 

Retornou em janeiro e com ele o bom futebol também.

Nico é um 9 “moderno”, de bastante movimentação e faro de gol, mostrando isso contra Palmeiras e Corinthians na atual edição da Libertadores.

Recentemente, no futebol brasileiro, despertou o interesse do Internacional e do São Paulo.

Emanuel Mammana (River Plate)

Os clubes brasileiros andam com dificuldades em contratar um bom zagueiro, e o River Plate apresenta um dos melhores do futebol sul-americano.

Emanuel Mammana Foto: CA River Plate - Divulgação
Emanuel Mammana Foto: CA River Plate – Divulgação

 

Trata-se de Emanuel Mammana, de 20 anos, revelado pelo próprio River, equipe que defende profissionalmente desde 2014.

Presente na pré-lista de convocados da Argentina para os Jogos do Rio, o defensor teve seu futebol pretendido pelo Napoli, que vai disputar a UEFA Champions League na próxima temporada.

Nahitan Nández (Peñarol)

Este é aquele volante que todo torcedor sonha em contar dentro da sua equipe titular.

Nahitan Nández é um volante com o melhor estilo uruguaio. Tem na raça seu ponto forte, mas conta com técnica para saída de bola e bom posicionamento.

Reprodução Site oficial Peñarol.org
Reprodução Site oficial Peñarol.org

 

Por essas e outras que apesar de ter apenas 20 anos é um dos destaques do Peñarol, sendo inclusive convocado para a seleção principal, líder das Eliminatórias para a Copa de 2018. Participou das últimas partidas da competição.

Foi também o capitão do Uruguai no mundial sub-20 e no sul-americano, onde a equipe ficou muito próxima da vaga nos Jogos Olímpicos do Rio.

Roger Martínez (Racing)

Um dos destaques da equipe do Racing, de Avellaneda, Roger Martínez de 21 anos é também uma das sensações da mais nova geração colombiana, que vai disputar os Jogos do Rio 2016, sendo o próprio atacante o responsável pelos dois gols da classificação da Colômbia.

Reprodução Racing.com.ar
Reprodução Racing.com.ar

 

Martínez está com moral na seleção principal também, e está na pré-lista para a Copa América Centenário.

Em 2016 o jogador é o artilheiro do Racing, ao lado do veterano Lisandro López.

Sergio Díaz (Cerro Porteño)

Jovem destaque da equipe sub-17 do Paraguai, Sergio Díaz conta com o apelido de “Aguero Paraguaio”.

Divulgação
Divulgação

 

Autor de um dos gols da vitória do Cerro sobre o Corinthians por 3 a 2, o camisa 10 é o mais novo da lista (17 anos), e um dos mais promissores.

Davinson Sánchez (Atlético Nacional)

Principal destaque da melhor defesa da Libertadores 2016, Sánchez é uma das grandes revelações do futebol colombiano.

Reprodução Atlético Nacional
Reprodução Atlético Nacional

 

Com apenas 19 anos, é nome certo na equipe que vai disputar os Jogos do Rio 2016, e já foi convocado para seleção principal recentemente.

Marlos Moreno (Atlético Nacional)

Tido como uma joia colombiana, Marlos Moreno tem apenas 19 anos e está há menos de 1 na equipe profissional do Atlético Nacional.

Rápido, habilidoso, o jogador incomoda muitas defesas, e na atual edição anotou 3 gols e contribuiu com outras duas assistências.

Reprodução Facebook Atlético Nacional
Reprodução Facebook Atlético Nacional

 

O Santos tentou iniciar uma conversa para contar com o jogador, mas depois recuou na negociação.

O atleta é nome certo nos Jogos do Rio 2016 e também já é cogitado na seleção principal da Colômbia.

Michael Santos (River Plate-URU)

Camisa 10 do River Plate-URU, Michael Santos, de 23 anos, foi um dos melhores jogadores da equipe que pouco mostrou na Libertadores 2016.

Divulgação
Divulgação

 

Com bom toque de bola e boa conclusão, Michael Santos é o cobrador de faltas e pênaltis da equipe, e esteve na pré-lista do Uruguai para a Copa América.

Júnior Sornoza (Independiente del Valle-EQU)

Rápido e inteligente, este é o “baixinho” da grande surpresa da Libertadores 2016.

Reprodução Conmebol
Reprodução Conmebol

 

O Independiente anotou 9 gols na competição, e Sornoza fez 5 deles, além de colaborar com uma assistência, tendo participação direta em 2/3 dos gols marcados pela equipe equatoriana.

O atleta ainda não foi convocado para a seleção do Equador, que faz boa campanha nas Eliminatórias para a Copa de 2018.