Opinião: Palmeiras vence com bom futebol

Palmeiras
Foto: Cesar Greco/ Ag.Palmeiras / Divulgação

O Palmeiras venceu o Atlético Paranaense nesta tarde de sábado. Com dois gols de Gabriel Jesus (2), Róger Guedes e Thiago Martins, os 33.629 torcedores no estádio alviverde desfrutaram de um bom futebol.

LEIA MAIS:
Visão da arquibancada: O Palmeiras que torcedor quer ver

Com a promessa de Cuca do título brasileiro após a eliminação do Campeonato Paulista, os torcedores palmeirenses ficaram animados, principalmente pelas três semanas de treino, a última delas em Atibaia, refúgio do time.

Ainda é cedo, mas alguns destaques devem ser feitos, melhoras visíveis após o tempo que Cuca teve para trabalhar.

Em um jogo com posse de bola predominante do Palmeiras, o Atlético não conseguia sair do campo de defesa para o ataque. As transições rápidas não encaixavam, e o time recorria ao chutão. Bola novamente do Palmeiras.

O Alviverde retomava a posse e procurava achar espaços, trabalhando a bola, e trocas de posição entre Jean e Tchê Tchê, destaque do primeiro tempo. Não demorou para sair o primeiro gol. Com boa atuação de Cleiton Xavier até então, o meia encontrou Gabriel Jesus que cruzou rasteiro para Róger Guedes empurrar para as redes junto a Thiago Heleno. Gol na súmula para Róger.

No segundo tempo, o Palmeiras já fez o segundo gol aos 22 segundos, depois de Cleiton Xavier cruzar para Gabriel Jesus empurrar para as redes.

O Atlético continuava errando e devolvendo a posse de bola. Walter, único atacante, apesar da boa movimentação não conseguia boas chances nas transições diretas.

Os outros dois gols saíram aos 7, com Thiago Martins desviando na primeira trave após cobrança de escanteio de Cleiton Xavier, e aos 41 minutos, novamente com Gabriel Jesus.

Alguns problemas como compactação e ligação direta, destacados no comando de Marcelo Oliveira, parecem estar sendo corrigidos.

Os toques começam desde Fernando Prass, Jean volta para receber, alternando com Tchê Tchê, e Egídio sempre dá boas opções. Do meio para a frente, Cleiton Xavier consegue triangulações e enfiadas de bola pelas pontas, que encontra Róger e Gabriel.

Um Palmeiras promissor na primeira rodada, que vem evoluindo seu desempenho e está agora há 8 jogos sem perder.

É preciso continuidade, junto ao trabalho e tempo.



Estudante de jornalismo. Apaixonado por esportes e pela vida.