Palmeiras encara “sequência da morte” no Brasileirão e Cuca dá recado; veja

Palmeiras
Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

O Palmeiras começou o Campeonato Brasileiro com uma goleada frente ao Atlético-PR no Allianz Parque. Mais que o resultado, a bela atuação da equipe alviverde deixou os torcedores empolgados por outro triunfo, agora diante da Ponte Preta. Entretanto os campineiros se impuseram em casa e derrotaram os comandados de Cuca. Após o jogo, o treinador, que foi expulso, afirmou que o time não tem tempo para lamentar e o foco é recuperar o trilho perdido.

Só que o Verdão terá que encarar uma maratona de jogos considerados “grandes” pela frente. A equipe de Cuca recebe o Fluminense, em São Paulo, na quarta-feira, e no fim de semana faz o clássico contra o São Paulo, no Morumbi. Depois disso, o Palmeiras joga em casa contra Grêmio e tem outro dérbi, contra o Corinthians. Para fechar as batalhas, vai a Brasília enfrentar o Flamengo (mando dos cariocas).

Analisando a tabela, essa quina é a mais “indigesta” do Verdão, considerando-se cinco dos grandes clubes do futebol brasileiro na sequência. Curiosamente o time alviverde tem bons motivos para ir com unhas e dentes para a série pela frente.

ANÁLISE
Contra o Fluminense, ainda há a lembrança da emocionante semifinal da Copa do Brasil, quando o Palmeiras levou a melhor apenas na decisão por pênaltis. No tempo normal, o goleiro Fernando Prass fez milagre ao defender um chute de Fred à queima roupa.

Diante do São Paulo, o jogo no Morumbi é o principal obstáculo. O Verdão não vence jogando no estádio do Tricolor há 14 anos. A última vez foi em 2002, em jogo em que Alex marcou o famoso gol de placa sobre Rogério Ceni pelo Rio-São Paulo.

O jogo contra o Grêmio colocará frente a frente duas equipes que disputaram a Libertadores e saíram precocemente. Além disso os times já fizeram duelos inesquecíveis em Libertadores e Copa do Brasil. Em 2012, o Verdão bateu os gaúchos na semifinal.

Palmeiras tem o Corinthians em casa na sequência pelo Brasileirão. Foto: César Greco/Ag. Palmeiras
Palmeiras tem o Corinthians em casa na sequência pelo Brasileirão. Foto: César Greco/Ag. Palmeiras

O clássico contra o Corinthians fala por si só. No ano passado, o Verdão eliminou o Alvinegro na semifinal do Paulistão, nos pênaltis, porém ainda não conseguiu vencer o maior rival em seu novo estádio. Além disso, o duelo terá dois dos melhores treinadores do país em disputa – Cuca x Tite.

Finalmente o confronto diante do Flamengo é também de suma importância, pois no caso de um começo bom na sequência, derrotar o time de Muricy Ramalho significará pular na frente dos concorrentes principais na classificação. Ganhar de outro clube considerado grande é praticamente obter seis pontos na tabela, por isso Cuca já tem a solução para a sequência.

“O mais importante em derrotas é absorver o impacto. Tem que estar com os punhos levantados para vencer na quarta-feira”, resumiu o treinador do Palmeiras, que não estará no banco por cumprir suspensão. O auxiliar Alberto Valentim estará em comando da equipe contra o Fluminense, quarta, às 21h45 (horário de Brasília).



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.