Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

San Siro ou Giuseppe Meazza? Descubra por que Milan e Inter utilizam o mesmo estádio

Sabia que o Milan e a Internazionale, ambos clubes italianos e rivais, utilizam o mesmo estádio em seus jogos como mandante no Campeonato Italiano, Liga Europa e Liga dos Campeões? Sim, você não está lendo errado, as duas equipes dividem a mesma casa há 69 anos. No entanto, quando o Milan é o mandante, o estádio é chamado de San Siro. Giuseppe Meazza é o nome aclamado pelos torcedores nerazzurris em seus jogos oficiais.

Péterson Neves
Jornalista com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação, Dialoog Comunicação e Comunicale. Contato: petersongneves@gmail.com

Crédito: Crédito da foto: Reprodução/Site do Milan

Leia mais:
MILAN ESTUDA CONTRATAÇÃO DE LUCAS SILVA, EX-CRUZEIRO E REAL MADRID
RICCARDO MONTOLIVO SENDO SONDADO POR CLUBE GREGO
OS ‘’EX-EX-EX’’ MAXI LÓPEZ E ICARDI ; ENTENDA ESSA ‘’NOVELA’’ ARGENTINA

O estádio localizado no bairro de San Siro, em Milão, foi construído em 1925, e inaugurado em 19 de setembro de 1926 com uma derrota do Milan para a rival Internazionale por 6 a 3 . O custo da obra à época foi de 5 milhões de libras, o equivalente a R$ 2.570.995.000,00.

De 1926 a 1945, o Milan deixou de ser um clube sem campo e passou a sediar suas partidas no estádio, que pertencia a San Siro e, futuramente, fora vendida á Câmara Municipal de Milão. No entanto, a partir de 1946, a Internazionale, que também não tinha estádio, passou de visitante indigesta a parceira de campo e dividem até os dias de hoje os mandos das partidas.

Em 1980, o estádio San Siro foi rebatizado como Giuseppe Meazza, em homenagem ao craque que defendeu os dois clubes da cidade. Segundo pesquisa em sites italianos, Milan e Internazionale pagaram para atuar no estádio de Milão entre os anos 1935 e 1999. Desde a virada do século, no entanto, os clubes se tornaram responsáveis pela manutenção do campo em troca dos mandos de jogo. Oficialmente, milanistas e nerazzurris não possuem estádio próprio.

Na Itália, não é comum um clube grande ter uma casa própria: a exceção é a Juventus, que construiu, recentemente, o Juventus Stadium.

FUTURO DO ESTÁDIO

Falando em Juventus Stadium, Milan e Internazionale viram que a Juve começou a lucrar com seu novo estádio e passaram a estudar a construção de arena multiuso para jogos e shows. A situação, basicamente, é a busca por um fiador que invista dinheiro no projeto. Caso a dupla construa seu estádio próprio, a ideia da Câmara Municipal de Milão e Prefeitura é tombar o estádio como monumento histórico da cidade.

ESTRUTURA DO ESTÁDIO 
Capacidade Total: 84.309
Dimensões do campo: 105m x 68m
Camarotes: 336
Tribuna de honra: 302
Cadeiras Especiais: 228
Deficientes: 244 (com 244 acompanhantes)

O estádio Giuseppe Meazza é o maior estádio italiano com a capacidade recorde de até 150.000 lugares, perdendo apenas para o Maracanã no ranking mundial.

Nos dias em que não há jogos no estádio, é possível fazer um visita a alguns pontos do Giuseppe Meazza, como a tribuna de honra, os vestiários, o banco de reservas e o campo. A estrutura ainda conta com um museu com os principais troféus de Milan e Inter e um cinema que funciona em horário comercial com filmes especiais de cada clube.