Torcida corintiana protesta contra Globo e Casagrande defende: “Grande emissora”

jornalista
Casagrande é são-paulino (Foto: Reprodução/TV Globo)

Os frequentes protestos de várias torcidas contra a Rede Globo de Televisão chegaram aos corintianos. Em mais de uma oportunidade, a Gaviões da Fiel exibiu faixas com os dizeres “Globo manipuladora”, durante jogos na Arena Corinthians. Walter Casagrande Júnior, ídolo alvinegro, pensa diferente. Em entrevista na edição de maio da Revista Poder, ele discordou da posição dos torcedores.

LEIA MAIS
CASAGRANDE AINDA NÃO CONFIA NO PALMEIRAS: ‘PRECISA DE UMA LIDERANÇA NO MEIO-CAMPO”

[A Globo é uma] “grande emissora, que não cerceia a expressão de seus funcionários, ao contrário do que se diz”, argumentou. Ele afirma não entender a “bronca” manifestada por meio das faixas. “A maioria dos jogos transmitidos é do Corinthians, não entendo a bronca com a Globo”.

O comentarista pondera que, por reconhecer o tamanho da emissora, sabe que precisa tomar cuidado com o que diz. “Você acaba aprendendo que o poder de fogo é grande, e não tem o menor cabimento dizer algo que seja fora da realidade ou opinar a qualquer tempo”.

Casagrande foi comentarista na ESPN Brasil em 1996, logo após pendurar as chuteiras. Pouco depois, recebeu convite da Rede Globo e é ao lado do também ex-jogador Caio Ribeiro, um dos principais comentaristas da emissora carioca.



Mídias Sociais da AS Roma Brasil, MBA em Gestão Estratégica de Negócios, blogueiro desde 2007 e radialista amador. Escreve sobre futebol italiano, automobilismo e o que aparecer, mas gosta mesmo é de contar boas histórias