Visão da arquibancada: O Palmeiras que o torcedor quer ver

Palmeiras x Figueirense
Crédito da foto: Divulgação

O Palmeiras goleou o Atlético-PR em sua estreia no Campeonato Brasileiro e começou a competição com o pé direito. Não só o placar foi expressivo, mas também o futebol jogado pelo time de Cuca. Com um novo estilo de jogo, cheio de variações e toque de bola, o Verdão envolveu o time do Paraná e deu orgulho ao torcedor alviverde que acompanhou a partida no Allianz Parque.

LEIA MAIS:

PALMEIRENSES SÃO DETIDOS POR QUEBRAR CADEIRAS NO ALLIANZ PARQUE

A partida contra o Atlético-PR mostrou que as três semanas de preparação que Cuca teve, deram resultado. Com Cleiton Xavier virando o maestro do time, um jogador de ligação, o ataque durante todo o tempo recebeu ótimos passes resultando no primeiro gol da equipe, quando o meia lançou Gabriel Jesus que tocou para Róger Guedes completar para o fundo das redes.

Ao ver Cleiton jogar desse jeito, o sentimento é que com ele o time se torna outro, ele é aquele jogador que o Palmeiras procura a tanto tempo e que carece a muitos anos. Por muitos anos “refém” de Valdivia, ontem o torcedor teve uma amostra de como podemos esperar o esquema de jogo com ele sendo o camisa 10. Claro, ainda é cedo para dizer que o Palmeiras jogará desta forma o campeonato todo e que Cleiton terá uma sequência de jogos após todas as lesões que sofreu durante a última temporada.

Outro ponto de destaque neste novo esquema é a troca de posições entre Jean e Tchê Tchê, que fez seu primeiro jogo com a camisa do Palmeiras. O ex-jogador do Audax mostrou que consegue fazer bem essa função e mantém o nível tanto na meia como na lateral-direita.

No ataque, Róger Guedes e Gabriel Jesus fizeram uma dupla muito interessante. Dois jogadores rápidos e habilidosos, que em todo momento ofereceram opções à Cleiton Xavier, avançando pelas laterais. Vale lembrar que apesar da evidente perda de Gabriel no meio do Campeonato Brasileiro, por conta das Olimpíadas e uma possível transferência para a Europa, o Palmeiras ainda tem Dudu que deve voltar nos próximos dias.

Para o torcedor que acompanhou o jogo de ontem, é possível acreditar em Cuca que prometeu o título palmeirense. Se manter o nível de futebol que apresentou, o Palmeiras se torna forte candidato na briga pelo título.*

Torcedor palmeirense, vamos ser cautelosos e ainda não usar o termo “empolgou”, pois já vimos no que deu a última vez, por isso, o texto é apenas uma visão do que foi a partida de ontem e as expectativas para o resto da temporada alviverde.