Muricy afirma que gestão do Flamengo deveria ser modelo para o futebol brasileiro

O ex-treinador rubro-negro, que se recupera mais uma vez de um problema de saúde, falou, em entrevista concedida para Rádio Bradesco Esportes do Rio de Janeiro, sobre seus planos para o futuro, e afirmou que o futebol brasileiro precisa de um tipo de gestão como a do Flamengo. 

Allan Abi Madi
Colunista do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/TV Globo

LEIA MAIS:
Flamengo espera definir futuro de Adryan até a próxima semana
Guerrero fala sobre interesse do Boca Juniors e mãe diz que queria filho na Europa
Flamengo pode ter saída de jogadores na janela; veja que deve sair 
Alvo do Fluminense, Zelarayán fala sobre propostas e revela onde deve atuar
20 jogadores que ficam sem contrato nesse mês de Junho e podem ser bons reforços
Carpegiani fala em pulso para comandar o Flamengo e critica ‘passar a mão na cabeça’

 

– O que está precisando ter (para melhorar) no futebol brasileiro é esse tipo de gestão que o Flamengo tem. Estão se organizando há 3 anos, a parte econômica, o time. São pessoas sérias, não exite ali pessoas que não sabem o que estão fazendo, nem na parte política e nem na parta profissional. O caminho é esse – disse Muricy na rádio Bradesco.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

 

Veja outros trechos da entrevista do treinador.

 

– SAÚDE:

Tive um probleminha um pouco mais sério que das outras vezes. Nesse momento é parar e me cuidar.

– FUTURO:

Para eu voltar a trabalhar diretamente no futebol, só ano que vem mesmo. Meu pensamento é ter uma outra função dentro de um clube, não como técnico. Ano que vem vou pensar nisso.

– NOVA VIAGEM PARA FAZER OUTROS CURSOS:

Devo ficar por aqui mesmo. Não sou muito chegado a viajar. Preciso ficar perto dos médicos também.

– RESULTADOS NO FLAMENGO:

As pessoas que dirigem o Flamengo hoje são muito sérias. É apenas questão de tempo para começar a dar resultado dentro de campo. As coisas estão indo bem, o trabalho está sendo muito bem feito e vai dar resultado. A parte política do clube é muito séria.

 

Muricy em sua passagem no Flamengo - Gilvan de Souza/Flamengo

Muricy em sua passagem no Flamengo – Gilvan de Souza/Flamengo

 

– COBRANÇA DO TORCEDOR:

O torcedor quer resultado imediato. A cobrança é grande em qualquer clube, é uma coisa natural. Tamanho do clube não interessa e a paciência não existe no futebol.

– DIFERENÇA ENTRE OS DOIS CLUBES CARIOCAS EM QUE TRABALHOU:

O trabalho feito no Flamengo e bem diferente do Fluminense.

 

CONFIRA AINDA 3 ESPECIAIS FEITOS PELO TORCEDORES.COM:

20 jogadores que ficam sem contrato nesse mês de Junho e podem ser bons reforços  

25 jogadores que estão na Europa e poderiam atuar no Brasileirão

Confira uma equipe escalada, de 1 à 11 apenas com reforços “disponíveis” para seu time no Brasileirão

Foto: Divulgação

Curtiu essa matéria? Siga o autor no Twitter: Allan Abi Madi – @allanmadi