Presenteado, Copete foi apresentado no Santos e disse: “É uma honra vestir essa camisa”

Crédito da foto: Reprodução\ Facebook oficial do Santos Futebol Clube

Hoje o atacante colombiano Jonathan Copete de 28 anos foi apresentado no Museu Pelé pelo Santos, ele que assinou contrato com o clube até junho de 2020 e custou aos cofres santistas 2 milhões de dólares (R$ 7 milhões), e na final de sua apresentação o jogador foi presenteado com a camisa do Pelé autografada.

Sobre sair do Atlético Nacional para ir para o Peixe ele disse que tomou essa decisão pela história, e tamanho do clube.

“Creio que a decisão que tomei de jogar aqui foi pela grandeza do clube, tradição, onde sempre acompanhei. Agora estou muito feliz e quero jogar logo” disse Copete.

Já sobre estar no Museu Pelé e vestir a camisa do clube que teve o atleta do século, Copete falou representar muito para ele: “Representa muito, poder estar aqui é importante por conhecer a história de Pelé. Foi o maior jogador da história do futebol. Para mim é uma honra vestir essa camisa”, falou o atacante.

Copete enalteceu o elenco do Santos, comentou como foi recebido, elogiou muito a estrutura santista, e falou também estar contente por está no Alvinegro Praiano.

“Está muito bem. Me receberam muito bem, os companheiros são alegres, equipe sempre junto, convive no dia a dia. Isso tem muita importância para mim. Estou contente por estar aqui nesse clube fantástico. Santos é um clube de primeiro mundo e agradeço a Deus pela possibilidade de estar aqui” comentou Copete.

O atacante também disse, sobre jogar com o Gabigol, se tem condições de jogar 90 minutos já neste domingo no clássico, como será enfrentar o São Paulo, e também de Seleção brasileira.

“Podemos jogar juntos. Sei que vamos ajudar a equipe, temos essa possibilidade. Todos vamos nos ajudar, tanto eles quanto eu. Vai ser importante que usemos esse ataque em prol da equipe”.

“Sim, consigo jogar um jogo completo. Venho treinando bem, tenho condições de jogar os 90 minutos. E com o tempo vou me sentindo melhor”.

“Coincidência. Os enfrentaria na Libertadores e agora vou enfrentá-los pelo Santos. Espero fazer uma boa partida. Queremos coisas grandes e estamos unidos para poder vencê-los”.

“Todo colombiano desfruta do futebol brasileiro. Mundial, Copa América… Brasil sempre teve boas equipes, foi respeitado, temido. São muito bons tecnicamente, e agora vemos que agora diminuiu um pouco o futebol em termo de Seleção, mas está melhorando e seguirá sendo um dos melhores do mundo” completou Copete.

O http://www.lance.com.br/temporeal/santos/ fez a cobertura completa da apresentação do atacante colombiano.

Copete é o reforço mais caro da gestão de Modesto Roma no Santos, ele vai disputar posição com Gabigol e Vitor Bueno no Peixe, Copete se destacou nesta Libertadores pelo Atlético Nacional, o jogador foi revelado pelo Trujillanos, da Venezuela.

Crédito da foto: Reprodução\ Facebook oficial do Santos Futebol Clube



Apaixonado pelo futebol que é a melhor invenção do homem, atualmente setorista do Santos e Futebol Feminino pelo Torcedores.com