Entenda por que Gabriel Jesus vai ganhar mais dinheiro quando sair do Palmeiras

O Palmeiras vem tendo muito jogo de cintura para conseguir segurar Gabriel Jesus nessa janela de transferências. O atacante de 19 anos é alvo de cobiça por vários gigantes da Europa, como Barcelona, Real Madrid, Juventus, Bayern de Munique e Internazzionale de Milão. O Verdão tem consciência de que, para faturar com uma venda futura do atleta, precisa esperar uma oferta bem alta, já que não tem 100% do passe do camisa 33.

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

Crédito: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

LEIA TAMBÉM:
Treino: Cuca conta com seis retornos no Palmeiras antes de clássico contra Santos

Mercado da bola: Destaque do Atlético Nacional na Libertadores é oferecido ao Palmeiras
Isso que é amor: veja o que Dudu recusou da China para ficar no Palmeiras
Brasileirão: Palmeiras 100% no Allianz lidera classificação como mandante; veja 

Em março, Gabriel fez um reajuste em seu contrato com o Palmeiras em que o clube mantinha só 30% dos direitos econômicos do atacante. O agente do atleta, Cristiano Simões, ficaria com 32,5%, o empresário Fábio Caran com 22,5%. Ou seja, quando fosse vendido, Jesus receberia 15% da quantia. Só que agora a história mudou.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

De acordo com reportagem do jornal O Estado de S. Paulo, Gabriel passou a ter 25% do contrato, o que fará o jogador ganhar mais dinheiro quando sair do Palmeiras. A alteração no documento aconteceu há mais ou menos um mês. Para o jogador ter uma maior porcentagem, seu empresário Cristiano Simões teve que diminuir sua parte no negócio – de 32,5% para 22,5%, a mesma de Fábio Caran. O Verdão continua com 30% do passe de Jesus.

DIREITOS ECONÔMICOSPORCENTAGEM ANTES PORCENTAGEM AGORA
Gabriel Jesus15%25%
Palmeiras30%30%
Cristiano Simões32,50%22,50%
Fábio Caran22,50%22,50%

A mudança ocorreu após Gabriel requerer uma maior fatia das negociações e ganhar mais caso uma transferência para a Europa ocorra em breve. O atacante teve aumento de salário – em março -, mas ainda não recebeu nenhuma premiação elevada em relação ao contrato, justamente por ter sido revelado no Palmeiras.

De acordo com a reportagem, o Verdão teria gostado da alteração no contrato, pois aumentariam as chances de o clube conseguir adquirir uma maior fatia do passe de Gabriel. A multa do jogador é de 40 milhões de euros (cerca de R$ 153,9 milhões), mas cinco equipes têm prioridade para pagar ‘apenas’ 24 milhões de euros (aproximadamente R$ 92,3 milhões) – casos de Barcelona, Real Madrid, Bayern de Munique, PSG e Manchester United.