Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Ewandro é vendido para Udinese e São Paulo aproveita para repor cofres

O atacante Ewandro, revelado pelo São Paulo, assinou contrato nesta terça-feira com a Udinese, da Itália. O time do Morumbi receberá €2,2 milhões (R$8,2 milhões), o equivalente a 75% do valor do atleta. O dinheiro recebido já deve ter compromisso: repor os cofres do clube, que recentemente gastou com a contratação de Cueva.

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

Crédito: Reprodução/Instagram

LEIA MAIS: 

VEJA 5 NOTÍCIAS DO SÃO PAULO QUE ESTÃO BOMBANDO NA INTERNET

GANSO PEDE À DIRETORIA DO SÃO PAULO PARA SER VENDIDO AO SEVILLA

LUGANO REPROVA FILMAGENS NO VESTIÁRIO E DISPARA: “BRIGO COM ISSO TODO DIA”

Com o valor recebido pela negociação, o Tricolor embolsa a mesma quantia que utilizou para comprar o peruano Christian Cueva junto ao Toluca: US$2,5 milhões (R$8,2 milhões). Por isso, o valor deve repor a baixa que o time precisou fazer na contratação do meia.

EWANDRO

Ewandro jogou pelo time profissional do São Paulo em 2015, depois de passar boa parte da carreira nas categorias de base do Tricolor. Teve algumas oportunidades com Muricy Ramalho, mas não contou com a mesma sorte quando o mexicano Juan Carlos Osorio assumiu a equipe.

Com isso, o garoto foi emprestado ao Atlético-PR no início da temporada. No Furacão, o jogador era titular e vinha tendo boas atuações, o que o deixou na mira de alguns clubes da Europa (entre eles, a Udinese). No dia 23 de junho, o garoto de 20 anos firmou acordo com os italianos, mas só agora oficializou a transação.