GUIA RIO 2016 TORCEDORES.COM – SAIBA TUDO SOBRE O FUTEBOL FEMININO

O Torcedores.com continua seu especial para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016 que conta um pouco da história de cada esporte olímpico, algumas curiosidades para você contar por aí, além de informar os favoritos das provas e quem são os brasileiros nelas. Falaremos um pouco hoje sobre o Futebol Feminino da genial Marta, que busca um inédito ouro olímpico para abrilhantar ainda mais a sua carreira.

Redação Torcedores
Colaborador do Torcedores

Crédito: crédito: reprodução site oficial Rio 2016

LEIA O GUIA RIO 2016 DE OUTROS ESPORTES:
ATLETISMO, BADMINTONBASQUETE MASCULINO, BASQUETE FEMININO, BOXECANOAGEM VELOCIDADECANOAGEM SLALOM, CICLISMO BMX, CICLISMO ESTRADA, CICLISMO MOUNTAIN BIKE, CICLISMO PISTA, ESGRIMAFUTEBOL MASCULINOFUTEBOL FEMININO, GINÁSTICA ARTÍSTICA, GINÁSTICA RÍTMICA, GINÁSTICA DE TRAMPOLIM, GOLFEHANDEBOLHIPISMO, JUDÔ, LEVANTAMENTO DE PESO, LUTA, MARATONA AQUÁTICA, NADO SINCRONIZADO, NATAÇÃO, PENTATLO MODERNOPOLO AQUÁTICO, REMORUGBY DE SETE, SALTOS ORNAMENTAIS,TAEKWONDOTÊNISTÊNIS DE MESA,TIRO COM ARCOTIRO ESPORTIVO, TRIATLO, VELAVÔLEI FEMININO, VÔLEI MASCULINOVÔLEI DE PRAIA

FUTEBOL FEMININO

HISTÓRICO: O futebol feminino começou a ter mais expressividade mundial a partir da década de 1990. A primeira Copa do Mundo de Futebol Feminino foi realizada em 1991, cinco anos antes da estreia das mulheres em Jogos Olímpicos. Os Estados Unidos são o grande nome da modalidade desde então, tendo conquistado quatro das cinco edições disputadas. Venceram o primeiro título disputado em casa em 1996, mas deixaram o bi-campeonato escapar quatro anos mais tarde em casa para a Noruega, país que teve uma grande geração de jogadoras na década de 1990. A partir de 2004 em Atenas, os Estados Unidos não perderam mais, vencendo duas vezes o Brasil (foto) na prorrogação em 2004 e 2008 e o Japão em 2012. A Alemanha ostenta 3 medalhas de bronze consecutivas de 2000 a 2008. Depois dos Estados Unidos, o Brasil foi o país que mais esteve entre as quatro primeiras colocações em todas as edições de Jogos Olímpicos.

futebol feminino brasil mulheres

VOCÊ SABIA?

  • Que o futebol é o único esporte coletivo dos Jogos Olímpicos que as regras para homens e mulheres são exatamente as mesmas?
  • Que o futebol é o único esporte coletivo dos Jogos olímpicos em que as competições começam antes da cerimônia de abertura?
  • Que a jogadora Marta tem mais gols pela seleção brasileira feminina do que Pelé tem pela masculina?
  • Que a cantora americana Britney Spears é uma grande fã de futebol? Ela chegou até a pedir aulas particulares para o ex-jogador inglês David Beckham
  • Que o Brasil (juntamente com os Estados Unidos) foi o país que mais conquistou medalhas no futebol, se somarmos todas as distribuídas nos torneios masculino e feminino?

ATLETAS QUE BRILHARÃO NO RIO

Ao contrário do que ocorre no torneio masculino, no feminino as principais jogadoras profissionais disputam o torneio. A americana vencedora do prêmio Bola de Ouro de 2015 Carly Lloyd (foto) é uma que estará presente no Rio, assim como a melhor goleira do Mundial 2015 Hope Solo. Fique atento a alemã Célia Šašić, artilheira do Mundial 2015 e a francesa Élodie Thomis. No Brasil, não podemos deixar de mencionar a presença da jogadora eleita 5 vezes como a melhor do mundo Marta, nem a maior artilheira da história dos Jogos Olímpicos, Cristiane.

crédito: reprodução facebook

crédito: reprodução facebook

QUEM CHEGA FORTE AO RIO:

Os Estados Unidos chegam como o time a ser batido. Atuais campeãs mundiais e tricampeãs olímpicas, as americanas são experientes e tem uma capacidade única de vencer em momentos decisivos. A Alemanha chega como a principal adversária das americanas, tentando vingar a derrota na semifinal do Mundial de 2015.

Em um degrau abaixo, temos França, Austrália, Suécia, China e Brasil (foto) como candidatas a conquistar medalhas. A França entrou para a elite do futebol feminino após a inédita quarta colocação em 2012 e manteve o bom futebol. No mundial de 2015, perdeu nas quartas de finais para a forte Alemanha nos pênaltis. A Austrália eliminou o Brasil no Mundial 2015 e foi responsável juntamente com a China pela eliminação do Japão dos Jogos Olímpicos. O Canadá foi bronze em 2012 e manteve regularidade durante o último ciclo olímpico. A China, vice-campeã em 1996, não tem a mesma força dos anos 90, mesmo assim conseguiu superar o forte time japonês no pré-olímpico asiático. A Suécia não fez um bom Mundial em 2015, mas conseguiu eliminar o bom time da campeã olímpica e rival nórdica Noruega. Colômbia, Nova Zelândia e África do Sul são inferiores. O Zimbábue deve ser o saco de pancadas.

futebol feminino Brasil

COMO É A DISPUTA?

Doze países, divididos em três grupos de quatro disputam a primeira fase. Avançam para as quartas-de-final os primeiros e segundos colocados de cada grupo, além dos dois melhores terceiros colocados.

Na fase final, os times são divididos em duas chaves. De um lado, o vencedor do grupo E enfrenta um dos melhores terceiros colocados e o vencedor do grupo G enfrenta o outro melhor terceiro colocado. Os vencedores destas duas partidas se enfrentam na semifinal. Do outro lado, o vencedor do grupo F enfrenta o segundo colocado do grupo G e o segundo colocado do grupo F enfrenta o vencedor do grupo G. Os vencedores se enfrentam em uma semifinal.

 

OS GRUPOS:

O Brasil está no grupo E, ao lado de África do Sul, Suécia e China. No grupo F, estão Alemanha, Austrália, Canadá e Zimbábue. As favoritas americanas (foto) estão no grupo G com França, Nova Zelândia e Colômbia.

 futebol feminino EUA

QUAIS AS CHANCES DO BRASIL?:

A seleção brasileira pegou um grupo difícil, porém não impossível. China e Suécia tem times bons, mas não muito superiores ao do Brasil. Além disso, as brasileiras jogam em casa com o apoio da torcida e nos amistosos e torneios que disputa aqui, costuma atuar bem. Nesta semana, por exemplo, venceu bem a Austrália, que eliminou as brasileiras na Copa do Mundo em 2015. Tem Marta e jogadoras experientes como Formiga que podem ajudar muito o time nas horas de pressão. Ainda por cima, é cabeça de chave. Com o apoio da torcida, seria uma ótima oportunidade de vingar as derrotas na prorrogação em 2004 e 2008 para as americanas. Diríamos que as chances de medalha são de médias

 

PALPITE DO GUIA:

O fato de ser cabeça de chave e de estar no grupo E coloca o Brasil com um adversário teoricamente mais fraco caso se classifique em primeiro lugar de seu grupo. Caso isso aconteça e caso o Brasil vença a partida de quartas-de-final, enfrenta as americanas, onde terão que estar muito inspiradas e contar com muito apoio da torcida para chegar à final

OuroEstados Unidos

Prata:Alemanha

Bronze: Brasil